Timber by EMSIEN-3 LTD
  • ms epidemia
  • Dnews Whats
Sábado, 17 Outubro 2020 07:28

Unimed Dourados cria moderno centro de oncologia para atender beneficiários

Escrito por

Médicos cooperados também podem contar com uma estrutura completa de diagnóstico

por imagem, com equipamentos de ressonância, ultrassonografia e mamografia;

estrutura facilita o trabalho dos cooperados e beneficia os clientes da Unimed

INSTITUCIONAL - A diretoria da Unimed Dourados aproveita a véspera do Dia do Médico, comemorado neste domingo, 18 de outubro, para anunciar que já está em operação com uma moderna Clínica de Oncologia e também um completo centro de diagnóstico por imagens, voltados exclusivamente para o uso dos seus médicos cooperados e beneficiários. “Nossa diretoria tem trabalhado de forma incansável para fazer da nossa cooperativa uma das melhores do país, não apenas para nossos beneficiários, mas, também, para os cooperados”, enfatiza Jamal Nasser Haddad, presidente da Unimed Dourados. “Nessa véspera de 18 de outubro quero parabenizar cada médico cooperado que tem contribuído de forma decisiva para que nossa singular atingisse níveis de excelência reconhecidos pela Unimed do Brasil”, completa o presidente.

A Clínica de Oncologia e o Centro de Diagnóstico por Imagens estão instalados no moderno prédio que abriga a sede da Unimed Dourados, onde tantos os cooperados quanto os beneficiários e colaboradores encontram muito conforto e comodidade. “Realizamos tratamentos infusionais e dispensamos medicamentos orais de alta complexidade”, explica a médica oncologista Mariane Candido Martins Carbonaro CRM/MS 6791 - RQE 6486, que coordena a Clínica de Oncologia e também atende os beneficiários da Unimed no mesmo local.

Ela ressalta que a unidade conta com o trabalho de uma equipe multiprofissional composta por médico oncologista, enfermeiro, farmacêutico, técnico em enfermagem, nutricionista e psicólogo, todos com capacitação em oncologia, para prestar um serviço especializado aos beneficiários da Unimed Dourados. “Além de contar com equipamentos de última geração, nossos pacientes também recebem um atendimento humanizado”, ressalta Mariane Cândido Martins Carbonaro. “Seguimos todos os protocolos de qualidade e segurança a fim de garantir a melhor experiência para nossos beneficiários”, completa.

A Clínica de Oncologia funciona como Hospital Dia, “Temos um laboratório próprio, uma farmácia de manipulação, o Centro de Diagnóstico por Imagens, além de um espaço confortável para que o beneficiário se sinta bem atendido”, ressalta Dra. Mariane. “Tudo isso garante um melhor serviço e contribui para a sustentabilidade da Unimed Dourados. Oferecemos o que existe de mais moderno para nossos colaboradores, beneficiários e cooperados”, conclui a médica.

OUTUBRO ROSA

A médica Mariane Cândido Martins Carbonaro também alerta para a participação da Unimed Dourados na campanha Outubro Rosa, de conscientização sobre a prevenção ao câncer de mama. “Através dessa iniciativa, levamos informação e orientação às nossas beneficiárias, sobretudo em tempos de pandemia de Covid-19, em que a prevenção está sendo colocada em segundo plano”, comenta.

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação desordenada de células da mama, formando um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Por isso, a doença pode evoluir de diferentes formas. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença.

FATORES DE RISCO

A idade é um dos mais importantes fatores de risco para a doença. Outros fatores que aumentam o risco da doença são: ambientais e comportamentais; história reprodutiva e hormonal; hereditariedade; obesidade e sobrepeso; primeira menstruação antes de 12 anos e a última após os 55 anos; história familiar de câncer de mama e ovário; sedentarismo; não ter tido filhos; consumo de bebida alcoólica; primeira gravidez após os 30 anos; uso prolongado de contraceptivos hormonais (estrogênio-progesterona); ter feito reposição hormonal pós-menopausa (em mulheres de maior risco);

O câncer de mama de caráter genético/hereditário corresponde à 5% a 10% do total de casos da doença. A amamentação é um fator de proteção contra o câncer. Cerca de 28% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como: praticar atividade física; alimentar-se de forma saudável; manter o peso corporal adequado; evitar o consumo de bebidas alcoólicas;

DIAGNÓSTICO DA DOENÇA

É muito importante diagnosticar a doença precocemente, para aumentar as taxas de sucesso do tratamento. O diagnóstico precoce pode ser realizado por meio do autocuidado e de exames de rastreio. Os sinais podem ser: nódulo (caroço), fixo e geralmente indolor, pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja; alterações no mamilo; pequenos nódulos nas axilas e saída espontânea de líquido anormal pelos mamilos.

É importante que as mulheres observem suas mamas, valorizando a descoberta casual de pequenas alterações mamárias. Em caso de alterações, elas devem procurar os serviços de saúde para avaliação diagnóstica.
Além do autocuidado, a mamografia é o exame de rastreio indicado para as mulheres de 40 a 74 anos, e o ideal é que seja realizado anualmente. Exames como a ressonância ou a ultrassonografia podem ser realizados mais precocemente em mulheres de maior risco, sob indicação médica ou podem ser complementares à mamografia.

A postura atenta das mulheres em relação à saúde das mamas é fundamental para a detecção precoce do câncer da mama.

Última modificação em Sexta, 16 Outubro 2020 17:38

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis