Imprimir esta página
Sábado, 16 Outubro 2010 11:01

MST reforça campanha de Dilma e chama Serra de fascista Destaque

Escrito por Redação Douranews

O Movimento dos Sem-Terra (MST) resolveu entrar firme na campanha da candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff neste segundo turno. Ontem (15) o movimento distribuiu nota conclamando a militância pra "se engajar nessa luta, que é importantíssima para a classe trabalhadora".

“Vamos eleger Dilma Rousseff presidenta do Brasil” é o título do comunicado assinado ainda pela Via Campesina e por outros 13 movimentos sociais. O documento diz que é preciso "derrotar a candidatura Serra, que representa as forças direitistas e fascistas do país".

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o MST é crítico do governo Lula, “apesar de ter suas bases abastecidas com recursos federais”. Embora as invasões de terra tenham sido praticamente suspensas desde o último abril vermelho em função do calendário eleitoral, a maioria da população não aprova as ações do MST, como indicam pesquisas recentes.