Imprimir esta página
Quarta, 12 Fevereiro 2020 08:34

Sergio Nogueira alerta para qualidade de obra realizada na Presidente Vargas

Escrito por
Vereador aponta riscos de comprometimento em obra que consumiu mais de R$ 800 mil em Dourados Vereador aponta riscos de comprometimento em obra que consumiu mais de R$ 800 mil em Dourados Assessoria

O vereador Sergio Nogueira (PSDB) solicitou à prefeita de Dourados, Délia Razuk (PTB) e ao governo do Estado informações a respeito da obra realizada na Avenida Presidente Vargas, para reparar uma cratera surgida em 2019. Moradores da região têm reclamado da qualidade da obra realizada na via.

Depois de seis meses interditada e custando R$ 871 mil, a obra da Avenida Presidente Vargas foi finalizada em outubro de 2019, porém cerca de cinco meses após o término, moradores da região do BNH 3º Plano e também do município de Itaporã que trafegam diariamente pelo local têm reclamado da qualidade do asfalto no local onde foi realizada a obra.

De acordo com Sergio Nogueira, os moradores alertaram para os problemas e apontaram que em dias de chuva a água fica empossada do lado esquerdo da via por não ter o desnível necessário e não consegue escoar, por conta do bueiro que permanentemente se encontra entupido com dejetos plásticos e de madeira, sendo que via fica alagada, chegando ao nível do meio fio.

“Nós ainda verificamos, durante visita ao local, que está surgindo algumas fissuras no asfalto”, comentou o vereador. “Os moradores ainda apontaram que a caída de água ficou do lado oposto da boca de lobo existente”, completou.

Com isso, Sergio Nogueira requereu ao Poder Executivo que busque informações junto a empresa responsável pela obra, quanto a resolução destes problemas. “É preciso verificar estas denúncias, para saber se isso poderá comprometer ou não a segurança das pessoas que trafegam pela via. Este requerimento tem o objetivo de fazer um alerta ao Governo do Estado, para que haja preocupação pós obra, pós serviço realizado”, finalizou. (Com assessoria)

Redação Douranews

Mais recentes de Redação Douranews