Timber by EMSIEN-3 LTD
Quarta, 06 Fevereiro 2019 08:47

Deputado ‘esqueceu’ de tomar posse, mas recebeu salários de janeiro Destaque

Escrito por
Geraldo teve que deixar Secretaria às pressas para ir a Brasília tomar posse como suplente de deputado Geraldo teve que deixar Secretaria às pressas para ir a Brasília tomar posse como suplente de deputado Assessoria/Rodrigo Pael

Após 24 horas da “demissão”, suplente da deputada federal licenciada Tereza Cristina, que assumiu o Ministério da Agricultura e Pecuária do Governo Jair Bolsonaro, o secretário estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul, Geraldo Resende Pereira, do PSDB, teria que ter ido a Brasília no prazo regimental para assumir a vaga antes de optar pelo cargo oferecido no Governo do Estado, sem perder a condição de suplente imediato em Brasília.

Como ele se ‘esqueceu’ desse detalhe e logo assumiu o cargo oferecido pelo governador Reinaldo Azambuja, teve que ser exonerado por um dia, na terça (5) e está reassumindo só nesta quarta-feira (6) o cargo no primeiro escalão de Mato Grosso do Sul, proporcionando, agora sim, as condições legais para que a segunda suplente, Bia Cavassa, de Corumbá, possa desempenhar a função na Câmara dos Deputados.

Ainda assim, o deputado foi devidamente contemplado com o salário superior a R$ 33 mil, pago pela Câmara dos Deputados a todos os parlamentares no mês de janeiro, mesmo com a Casa em recesso, o que deve ter ajudado bem, porque somou aos outros R$ 24 mil recebidos como secretário de Estado.

Veja aqui:

salario janeiro geraldo

                                                                                                                                Fonte: Câmara dos Deputados

  • unimed nova
  • cassems

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus