Timber by EMSIEN-3 LTD
  • semeadura
  • Dnews Whats
Sexta, 14 Setembro 2018 13:43

UFGD adere à Agenda Ambiental da Administração Pública

Escrito por
Adesão a programa ambiental é resultado de deliberações do seminário de sustentabilidade Adesão a programa ambiental é resultado de deliberações do seminário de sustentabilidade Assessoria

A UFGD é a primeira universidade de Mato Grosso do Sul a aderir à Agenda Ambiental da Administração Pública (A3P), programa do Ministério do Meio Ambiente que visa a promover e incentivar instituições públicas do país a adotarem e implantarem ações na área de responsabilidade socioambiental em suas atividades internas e externas.

A iniciativa demanda engajamento pessoal e coletivo, já que objetiva ações sustentáveis no ambiente de trabalho, desde pequenas mudanças de hábito até atitudes que geram economia, com base em cinco eixos temáticos: uso racional dos recursos naturais e bens públicos, gestão adequada dos resíduos gerados, qualidade de vida no ambiente de trabalho, sensibilização e capacitação e licitações sustentáveis.

O assunto foi apresentado durante o III Seminário 'Sustentabilidade na Universidade' que aconteceu na Unidade 1 da UFGD, coordenado pela DGA (a Divisão de Gestão Ambiental da Pró-Reitoria de Avaliação Institucional e Planejamento. A adesão ocorreu em agosto de 2016. Segundo a chefe da Divisão, professora Vera Luci de Almeida, a Universidade caminha, cada vez mais, para a construção de práticas sustentáveis.

A docente apresentou as ações da UFGD nesse sentido que vão desde licenciamentos concedidos às unidades, gestão de resíduos, ações de educação ambiental junto à comunidade e a promoção de licitações sustentáveis. "Hoje possuímos o Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos. Passamos pela etapa de inventário e construção de indicadores e hoje estamos na parte de controle e implementação", disse.

Além disso, já está em fase de elaboração a cartilha de boas práticas sustentáveis que será disponibilizada à comunidade; haverá a troca das lixeiras de todo o campus; a universidade aguarda a outorga de seus poços de água; possui tratamento de esgoto e ainda elaborou o PRIA (Plano de Resposta de Incidentes Ambientais), como por exemplo, dos agentes químicos utilizados nos laboratórios.

Licenciamentos

Hoje, a Universidade possui licenciamento ambiental para três de suas unidades: a Fadir e as Unidades 1 e 2, que tem objetivo de minimizar os impactos ambientais gerados. "Para todas as atividades produzidas temos ações visando o mínimo possível de impacto ambiental", disse Vera Luci.

A Licença Ambiental é uma exigência legal e uma ferramenta do Poder Público para o estabelecimento de regras, condições, restrições e medidas de controle ambiental a serem seguidas pela instituição solicitante. Ao receber a Licença, o gestor assume os compromissos para a manutenção da qualidade ambiental do local em que se instala. Em Dourados ela fica a cargo do Imam, o Instituto municipal do Meio Ambiente.

  • Unimed 38
  • kikao esquenta

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus