Timber by EMSIEN-3 LTD
×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 62
×

Aviso

There is no category chosen or category doesn't contain any items
Terça, 18 Janeiro 2011 14:28

Em 2010, DOF apreendeu 12 toneladas de maconha

Escrito por
O Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreendeu de janeiro a dezembro de 2010 mais de 12 toneladas de maconha, o que representa o aumento de 45% de apreensões em relação à estatística verificada no mesmo período de 2009. O número de mercadorias apreendidas que chamou atenção do Departamento também no ano passado, foi o aumento na apreensão de CD´s e DVD´s piratas, pneus e eletroeletrônicos. “A maioria das apreensões vem da região de Ponta Porã e Coronel Sapucaia”, afirma o comandante do DOF, coronel Joel Martins dos Santos, sobre o aumento na apreensão de maconha no Estado. De acordo com estatísticas divulgadas pelo DOF, em relação às drogas, além da maconha, em 2010 foram apreendidos 81 kg de cocaína, 11 mil bolas de haxixe, 1.000 pedras de crack e 95 kg de pasta–base. As três últimas substâncias tiveram uma diminuição significativa de apreensões. Na avaliação do Coronel Joel, o número de apreensões que também cresceu rapidamente é o de contrabando de CD´s, DVD´s e pneus. Os dados revelam que no ano passado foram apreendidas 89 mil unidades de CD's; já em 2009, as apreensões somaram 35 mil unidades, o que representa o aumento de 150% no percentual de apreensões. Em relação a DVD pirata, em 2010 foram confiscados 283 mil produtos oriundos de contrabando, e, em 2009, apenas 51 unidades foram notificadas pelo Departamento de Operações Fronteira. “Em comparação entre 2009 e 2010, os pneus tiveram um aumento de 350% de apreensões. Geralmente os pneus são apreendidos na região de Sete Quedas e Ponta Porã”, informa o coronel. Outro número que chamou atenção do DOF é o de contrabando de eletroeletrônicos. O valor estimado de apreensões ocorridas no ano passado corresponde a US$ 532,3 mil contra U$$ 124,7 mil no ano de 2009. Segundo o comandante, o que se nota em relação a essas apreensões é o preço baixo do produto - o que oferece a oportunidade do transportador revender e abastecer outros lugares com a mercadoria contrabandeada. O coronel Joel lembra também a ocorrência de casos envolvendo agrotóxicos, principalmente na época de plantio como os meses de agosto e setembro. Só no ano passado, foi registrado o aumento de 49% no fungicida e 710% no inseticida. “Além de cometerem o crime do contrabando, os agricultores cometem um crime contra o meio ambiente adquirindo esses agrotóxicos, pois o uso da maioria deles é proibido no Brasil”, lamenta o coronel. Policiamento O policiamento é realizado em 51 municípios do Estado, mas com atividades intensificadas na linha que compreende as cidades de Mundo Novo a Corumbá, num total de 12 municípios. O DOF faz o policiamento nas fronteiras do Brasil com Bolívia e Paraguai. O coronel Joel Martins dos Santos faz questão de destacar que o grande trunfo do DOF é o policiamento itinerante que resulta em grandes apreensões de drogas e materiais. “Ninguém sabe onde nosso policial está, e por meio de conversas e entrevistas com outras pessoas sabemos o que está acontecendo em determinada região”, conclui o comandante.
Última modificação em Sexta, 21 Janeiro 2011 15:28

  • Vitoria

O Tempo Agora

  • mascaras
  • unigran novo

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis