Imprimir esta página
Segunda, 13 Julho 2020 08:37

Rosemir promoveu tiroteio em três bairros antes de se suicidar

Escrito por
Rosemir e a moto com que cruzou a cidade procurando vítimas para o insucesso do casamento, até o suicídio Rosemir e a moto com que cruzou a cidade procurando vítimas para o insucesso do casamento, até o suicídio Reprodução/Facebook

Rosemir Fernandes de Souza, de 52 anos, o 'Soró', como era conhecido o assassino suicida que trabalhava como vigilante, e que prestava serviço de segurança particular a um supermercado da cidade, conforme apurou o Douranews, promoveu tiroteio em, pelo menos, três bairros da cidade, que culminou na morte da a ex-mulher Lucineide Maria dos Santos, de 51 anos e no suicídio dele, dentro da igreja São José, no centro da cidade.

Depois de passar o dia ingerindo bebida alcoólica, segundo revelaram pessoas das relações dele, Rosemir esteve na casa de Lucineide, de quem estava em processo de separação há cerca de dois meses, e após discussão matou a ex-companheira e ainda acertou um tiro na cabeça de Beatriz Valenzuela dos Santos, de 4 anos, neta da Lucineide, que está internada em estado clínico considerado grave no HU (Hospital Universitário).

As demais vítimas da ‘epopéia’ de Rosemir, Laura Gonçalves de Paula, de 10 anos, filha de uma mulher identificada como Luzia, que seria sobrinha da Lucineide, foi ferida com um tiro no rosto e encaminhada ao HV (Hospital da Vida), juntamente com a mãe dela que, para proteger a filha, se jogou sobre o corpo da menina e também recebeu dois tiros nas costas.

Laura e Luzia foram encaminhadas para o Hospital da Vida, juntamente com Jhonatan Gonçalves Ortega, que também é filho de Lucineide e foi ferido com um tiro na perna.

Em seguida, o assassino suicida passou pela região do Jardim Independência onde tentou matar o advogado que estaria cuidando do processo de separação do casal, mas que confirmou ter desistido da causa na semana passada, e que, ao perceber a presença do atirador na noite deste domingo, se jogou no chão. O próximo alvo de Rosemir foi a mulher chamada Sonia Regina Barros Galvão, de 42 anos, na Vila Cachoeirinha, atingida com dois tiros de raspão no rosto, medicada no Hospital da Vida e já liberada, juntamente com o jovem Jhonatan.

Redação Douranews

Mais recentes de Redação Douranews