Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

A Argentina segue sentindo a falta de Messi. Sem o seu principal jogador, lesionado, os comandados de Edgardo Bauza tiveram muita dificuldade para furar o ferrolho armado pelo técnico Francisco Arce. E, mesmo atuando em casa, em Córdoba, os argentinos foram surpreendidos com um veloz contra-ataque puxado por Ángel Romero, do Corinthians, e concluído por González, que deu a vitória ao Paraguai por 1 a 0.

Para completar, Agüero ainda perdeu um pênalti no início da segunda etapa, defendido por Villar. Já são três partidas sem vencer pelas eliminatórias da Copa do Mundo e o próximo desafio será contra o Brasil, no Mineirão, dia 10 de novembro, informa o Globoesporte. O Brasil, após a quarta vitória seguida, é o líder da competição.

Comentário

A reestruturação do aparelhamento da segurança pública pelo Governo do Estado, acrescida de uma política de qualificação, formação e valorização salarial dos policiais militares e civis, reduziu a criminalidade em Mato Grosso do Sul no curto espaço de um ano e oito meses. O balanço das últimas operações demonstra a eficiência policial e o comprometimento do governo com a integridade física e patrimonial da população, que vinha cobrando do poder público por mais segurança.

Prioridade dentre as metas que balizam o plano de governo de Reinaldo Azambuja (PSDB), os investimentos em segurança pública atendem a uma das demandas cruciais apontadas pelos sul-mato-grossenses. Lançado em maio deste ano pelo governador, o “MS Seguro” é considerado um dos maiores programas criados no Estado para o setor, para o qual estão sendo canalizados R$ 96 milhões para compra de armas, viaturas e adequação física das unidades policiais.

Ao garantir o suporte à pronta ação das polícias Civil e Militar e do Corpo de Bombeiros, com armamento moderno, logística e sistema de comunicação, a Sejusp (Secretaria estadual de Justiça e Segurança Pública) vem logrando êxito no combate e prevenção à violência nos 79 municípios do Estado. No primeiro semestre de 2016, foram apreendidas 66 toneladas de drogas e 531 armas de fogo e recuperados 1.290 veículos roubados. Foram efetuadas 2.019 prisões de foragidos da justiça e outras 18.347 pessoas foram encaminhadas até as delegacias para averiguação de pequenos crimes.

Metas cumpridas

As estatísticas policiais resultantes desse controle da ordem pública apontam para a diminuição da criminalidade e redução de acidentes de trânsito com mortes. Hoje, Mato Grosso do Sul, apesar da instalação do crime organizado nas fronteiras com o Paraguai e Bolívia, é o terceiro Estado com menor índice de violência do Brasil, conforme apontou o Mapa da Violência 2016, divulgado recentemente. O mesmo levantamento aponta Campo Grande entre as três capitais do País com menor número de homicídios.

Para o governador Reinaldo Azambuja, que tem cobrado maior comprometimento da União no combate aos crimes fronteiriços, com os investimentos do Governo do Estado Mato Grosso do Sul “será um dos estados brasileiros mais bem estruturados na área de segurança pública”. Nesse sentido, o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, enfatiza que a boa gestão do governo no cumprimento de metas tem ganhado evidência no cenário nacional, “devido à situação de crise enfrentada pelos demais estados da Federação”.

Exemplo é o programa “MS Mais Seguro”, onde o Estado dispõe de mais de R$ 96 milhões na reestruturação das polícias Civil e Militar, do Corpo de Bombeiros, Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), Coordenadoria Geral de Perícias e superintendências de Assistência Social. Dos recursos, R$ 78,8 milhões são próprios e R$ 15,9 milhões do Governo Federal – provenientes do Ministério da Justiça e Cidadania para a substituição e modernização do sistema de rádio e comunicação.

Armamento

Os primeiros repasses do “MS Mais Seguro” foram feitos com a entrega de 74 novas viaturas, 60 para a Polícia Militar e 14 para o Corpo de Bombeiros. 230 novas armas também foram entregues aos policiais militares. Das viaturas recebidas pela Polícia Militar, 54 são motocicletas, quatro vans e dois caminhões guinchos, que beneficiaram diversos municípios do Estado. Os veículos foram adquiridos com recursos das multas de trânsito aplicadas pelos municípios conveniados.

Entre as 230 novas armas recebidas pela Polícia Militar estão fuzis e espingardas de grosso calibre. São quatro fuzis, 80 metralhadoras automáticas, 166 espingardas e 60 carabinas semiautomáticas, que serão enviadas para os grupos especiais da PM e também para alguns municípios de Mato Grosso do Sul, especialmente aqueles localizados na fronteira. O Corpo de Bombeiros recebeu 14 viaturas, sendo oito unidades de resgate (seis delas ficaram em Campo Grande). e mais seis viaturas Auto Bomba Rápidos (ABR), sendo quatro para a Capital.

Segundo o secretário José Carlos Barbosa, a expectativa é que ainda neste mês de outubro, seja realizada a segunda entrega de equipamentos de proteção pessoal, munições, armamentos e veículos, oriundos do programa “MS Mais Seguro”, que contemplará todas as instituições ligadas à segurança pública.

Reformas

O projeto “Mãos que Constroem”, que utiliza mão de obra prisional para realizar obras de melhorias nos prédios ligados à Secretaria também está incluído no programa de investimentos “MS Mais Seguro”, que prevê cerca de R$ 10 milhões para reformas. O “Mãos que Constroem” possibilita a realização de mais obras com menor custo utilizando o recurso que está disponível. “Vamos quadriplicar o número de reformas”, adiantou o secretário.

Comentário

O senador Romário teve dois apartamentos penhorados pela 4ª Vara Cível da Barra da Tijuca. Localizados na Avenida do Pepê, os imóveis ficarão à disposição da Justiça para pagamento de multa e indenização de R$ 3 milhões à Koncretize Projetos e Obras.

A dívida se refere ao antigo Café do Gol, uma casa noturna que funcionou na Barra entre 1998 e 99, e da qual o ex-jogador era sócio, como informa o colunista Ancelmo Goias, do Radar, publicado na revista Veja.

Comentário

Em Aparecida de Goiânia, a primeira cidade do interior de Goiás, uma escola cancelou a festa do dia das crianças que aconteceria nesta quarta-feira (12) depois que os brinquedos, que seriam distribuídos para os alunos, foram furtados. Quando a notícia se espalhou, a comunidade resolveu se unir para ajudar.

A sala da diretora ganhou uma nova função: guardar uma montanha de brinquedos. E a todo momento chega mais gente com 'alegria' nas mãos. São presentes que não acabam mais. O casal Jean e Valéria Athaídes doaram um tempinho dessa terça-feira (11) e dos brinquedos que a Ana Júlia, filha deles, não usa mais. "A gente ficou sensibilizado, falou 'não, é lá mesmo, Deus está tocando a gente pra entregar esses brinquedos lá'", disse Valéria.

A festa foi adiada para a semana que vem, mas terá um gosto especial de solidariedade. "A gente vai ganhar brinquedos, bicicletas, várias coisas", diz uma das alunas, ansiosa pelas surpresas, segundo publica o G1.

Comentário

Da 6ª posição para a liderança e, mesmo sem dar show, o Brasil de Tite foi eficiente mais uma vez e chegou a quarta vitória em quatro jogos sob o comando do treinador. Após o triunfo por 2 a 0 sobre a Venezuela na noite desta terça-feira (11), em Mérida, o técnico mais uma vez dividiu o mérito pelo bom momento e preferiu não comentar o clássico contra a Argentina, no próximo dia 10 de novembro, no Mineirão. Agora líder das eliminatórias, Tite só quer saber da comida preparada pela mãe.

“Só quero ir pra casa ver minha mãe... Depois da outra rodada não consegui ir visitá-la. Até falei para ela o que quero comer. E não estou pagando de humilde. Quero comer arroz, feijão, carne moída e repolho (risos), disse o treinador sobre o cardápio encomendado à dona Ivone.

Agora com 21 pontos, a Seleção ultrapassou o Uruguai e assumiu a ponta da corrida rumo à Copa do Mundo da Rússia em 2018. A Celeste empatou com a Colômbia por 2 a 2 e agora ocupa a segunda posição. A delegação brasileira deixou o estádio Metropolitano de Mérida direto para o aeroporto de El Vigia, cidade a cerca de 80km de distância. A chegada em São Paula está prevista para a manhã desta quarta (12), como divulgou o Globoesporte.

Comentário

As escolas estaduais Presidente Vargas, Menodora Fialho de Figueiredo, Floriana Lopes, José Pereira Lins, Antonia da Silveira Capilé e Ministro João Paulo dos Reis Veloso, que juntas atendem 6.442 estudantes, serão a maioria a integrar a modalidade de Educação Integral que começa a funcionar a partir do ano que vem no País. Além dessas, apenas mais duas [as escolas estaduais Manoel Bonifácio Nunes da Cunha e Waldemir Barros da Silva, de Campo Grande] vão completar o sistema, somando 7.200 estudantes.

A lista com a portaria de fomento à implantação de escolas em tempo integral foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (11), com a justificativa do Ministério da Educação para implantar o programa de ensino médio integral em até 572 escolas públicas brasileiras. No total são 257.400 vagas, divididas por estados, de acordo com a população.

O professor Nei Elias Coinete, diretor da coordenadoria regional de educação estadual em Dourados, diz que o sistema integral será implementado de forma gradativa. Isso quer dizer que, no ano que vem, as seis escolas vão oferecer os dois modelos de ensino. A expectativa que as instituições implantem o ensino integral de forma definitiva em 4 anos.

Para aderir ao programa, o estado precisa apresentar um projeto pedagógico que será avaliado pelo Ministério da Educação. O prazo de adesão dos estados ainda não foi divulgado. De acordo com a portaria, o cronograma será estabelecido pela Secretaria de Educação da Básica do MEC.

Para cada vaga de ensino médio integral (ou seja, com alunos permanecendo na escola por, em média, sete horas ao dia), o governo federal promete pagar à rede de ensino R$ 2 mil por ano, durante quatro anos. O repasse às escolas será calculado anualmente, realizado em duas parcelas.

Reforma

O programa de fomento ao ensino médio integral foi anunciado pelo governo federal no dia 22 de setembro, junto com a medida provisória de reforma do ensino médio. Um dos pontos da nova lei, que altera a LDB (Lei de Diretrizes e Bases), determina que a carga horária mínima anual do ensino médio, atualmente de 800 horas, "deverá ser progressivamente ampliada, no ensino médio, para 1.400 horas", ou seja, em tempo integral. A regra, porém, está vinculada à meta 6 do PNE (Plano Nacional de Educação), que prevê que, até 2024, 50% das escolas e 25% das matrículas na educação básica (incluindo os ensinos infantil, fundamental e médio) estejam no ensino de tempo integral.

Atualmente, de acordo com o Censo Escolar, o Brasil tem, somando todas as etapas da educação básica, 18% das matrículas em tempo integral, principalmente nas creches.

Comentário

Wellinton Soares de Aquino, conhecido como ‘Pirulito’, que trabalhava como agente penitenciário em Andradina, no interior de São Paulo, morreu na manhã desta terça-feira (11), quando se dirigia com a moto que pilotava por uma estrada vicinal ligando o distrito de Planalto à cidade de Murutinga do Sul, na divisa com a cidade de Andradina.

De acordo com o jornal OlhoVivonews, Aquino teria perdido o controle do veículo, subiu com a moto em um barranco e acabou batendo contra uma cerca de arame farpado de uma propriedade rural da região. O corpo dele ficou enroscado na cerca e a vítima teve várias perfurações.

O Corpo de Bombeiros da cidade foi acionado e ainda chegou a levar o agente para o Pronto Socorro municipal, onde ele já chegou morto, de acordo com a publicação.

Comentário

O douradense Luís Olmedo conquistou duplo vice-campeonato na categoria 35/39 anos ao participar, no final de semana, em Brasília, do 18º Campeonato Brasileiro de Atletismo Máster, competindo nas provas de 3 mil metros com obstáculos e nos 10 mil metros rasos.

O atleta que é patrocinado pela empresa de assessoria esportiva TNY Sports, a mesma que conquistou o título da série B do Campeonato Estadual sul-mato-grossense com o Itaporã e deu o inédito titulo da 1ª divisão da mesma modalidade esportiva ao Clube Desportivo 7 de Setembro de Dourados este ano, disse que obteve um resultado satisfatório uma vez que competiu com os melhores atletas do país na categoria.

“Estou muito satisfeito pelo meu resultado e principalmente por ter levado o nome da nossa cidadee do nosso Estado de forma positiva. Gostaria também de agradecer o meu patrocinador, o empresário Tony Montalvão por meio da sua empresa, a TNY Sports; a minha esposa Débora Borda e meus filhos André Luiz Duarte e Caio Borda e a todos que torcem por meu desempenho nas competições que participo”, disse Luís Olmedo comemorando a conquista das medalhas de prata na capital federal.

Comentário

A Universidade Federal da Grande Dourados vai sediar, entre os dias 10 e 12 de novembro, o 9º Enell (o Encontro Nacional de Estudantes de Letras Libras). As inscrições como participantes podem ser feitas até o dia do evento, já a data limite para submissão de trabalhos é até neste sábado (15), conforme divulga a assessoria do evento.

De hoje até o dia 31 as inscrições podem ser feitas mediante o pagamento do valor de R$ 100 e de 1 a 10 de novembro, por R$ 120. Para se inscrever e conferir a programação completa, acesse o site: http://enell.ufgd.edu.br/.

Com o tema “Velhos paradigmas, novos desafios em diferentes contextos”, o evento terá na programação mesas de debates, além de oficinas, apresentações culturais e lançamentos de livros. A solenidade de abertura prevê a apresentação de poesias e do Hino Nacional em Libras.

A organização já divulgou a promoção das seguintes mesas redondas: “Educação de surdos e as políticas públicas”; “Educação de Surdos e as Tecnologias de Informação e Comunicação”; “Os contornos da constituição do campo investigativo do intérprete de Libras”; “Professor de Libras: que profissional é esse?”; “Identidade Cultural: a constituição de uma identidade surda múltipla e dinâmica” e “Egressos do Letras Libras: Relatos de Experiência”.

A realização do Encontro é da FaEd (Faculdade de Educação a Distância) da UFGD com apoio da Uems (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) e da Associação dos Surdos e Tradutores/Intérpretes ‘Mãos de Dourados’.

Comentário

Como acontece todos os anos, a UFGD editou no final desta segunda-feira (10) a retificação do edital que prorroga para quarta-feira (19) da semana que vem o prazo para pagamento da taxa de inscrição do Vestibular 2017. A nova data foi definida em virtude do retorno do expediente nos bancos, conforme a justificativa.

Pelo cronograma anterior, para efetivar a inscrição, os interessados deveriam fazer a inscrição com o pagamento da taxa de R$ 80 via GRU (Guia de Recolhimento da União) nas agências do Banco do Brasil até nesta segunda-feira.

Segundo a Universidade, o novo prazo não altera a data de realização das provas do Vestibular, que serão aplicadas no dia 20 de novembro, nos períodos matutino e vespertino, nas cidades de Dourados e Campo Grande.

No total, a UFGD está disponibilizando 962 vagas distribuídas em 32 cursos de graduação, com duas opções de ingresso: acesso universal e reserva de vagas. A reserva de vagas, também conhecida como cotas sociais, é um cumprimento à Lei 12.711/12, que orienta que no mínimo 50% das vagas sejam reservadas para candidatos que cursaram integralmente o ensino médio em escolas públicas.

Comentário

Página 1192 de 1408

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus