Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

Vereadores de Dourados decidiram, na sessão desta segunda-feira (19), se debruçar sobre um tema que ganha as ruas com frequência, sempre que a população é consultada sobre o papel do legislador municipal. “Só servem para trocar nome de rua”, admitiram ouvir constantemente dos eleitores os vereadores Marçal Filho (PSDB) e Olavo Sul (PEN), manifestando o desejo de, nessa legislatura, trabalhar por questões mais relevantes.

Acompanhe como foi a sessão, ao vivo

A polêmica começou quando entrou em pauta projeto de lei de autoria do vereador Pedro Pepa (DEM), sugerindo novo nome para a atual avenida Roma, via de ligação aberta com a construção dos conjuntos de habitação do Residencial Roma I e II, na região oeste da cidade. Marçal recomendou ao colega que retirasse o projeto, justificando que o vereador deve ter outras preocupações além dessa.

Na sequencia, ainda em torno do tema, o vereador Olavo Sul lembrou que foi levado a sugerir um nome de rua em homenagem a colega da Guarda Municipal, morto quando ele estava iniciando o mandato, e que agora tem recebido pedidos de moradores da Vila São Pedro, para nominar ruas que são chamadas por espécies de arvores no distrito ao qual ele representa na casa.

O vereador Braz Melo (PSC) falou da necessidade de se proceder um levantamento mais profundo em torno dessa situação, observando que já existe uma outra rua Roma, tradicional no interior do bairro Jardim Itália, e ganhou o apoio do ex-presidente da Câmara, Idenor Machado (PSDB), que defendeu esse momento para revisão dos nomes de ruas, aproveitando que a Prefeitura está instalando novas placas de identificação no Município.

Duplicidade

Depois desses questionamentos, o plenário da Câmara aprovou pedido de vistas ao projeto de Pepa e a avenida Roma vai continuar existindo, junto com a rua Roma, até que seja feito um estudo mais profundo em torno do assunto. Afinal, ruas em duplicidade já existem em vários pontos de ligação na cidade, a mais emblemática delas que descaracterizou a famosa Avenida Potreirito, dividida, atualmente, entre Gelcy Marcondes em uma parte e Alcides José de Macedo no outro extremo.

Relembre aqui

Comentário

O contador Edinilson da Silva Alves, de 27 anos, foi executado com cinco na tarde desta segunda-feira (19), no centro de Itaquiraí. O autor do homicídio já foi identificado, mas ainda está foragido, segundo a Polícia.

O criminoso, identificado como Marcelo Machado Mateos, de 26 anos, teria se aproximado da vítima em um automóvel. Ele desceu do veículo e disparou contra o contador que cruzava avenida central a pé.

O jovem não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Marcelo fugiu levando a arma usada no crime. As causas da execução que aconteceu em plena luz do dia, no centro da cidade, serão investigadas.

O Sete de Dourados conseguiu, enfim, o reforço que buscava desde o início de preparação para a temporada 2018. O meia Rodrigo Ost conseguiu a liberação do time que defende na Indonésia e se apresenta ao clube ainda nesta semana. O jogador chega para comandar o meio de campo do time do técnico Márcio Santos, que já pensa na reta final do Campeonato Sul-mato-grossense de futebol. Além de Ost, o Sete acertou a contratação do atacante Williams Recife, que se apresentou neste fim de semana.

Rodrigo Ost é desejo antigo do Sete e chegou a ser o primeiro atleta anunciado para o Campeonato Estadual, mas o clube na Indonésia, para onde foi após defender o Comercial na temporada passada, não o liberou, o que aconteceu agora. O meia defendeu o Arema pela última vez neste domingo no empate em 2 a 2 com o Putra, na Liga Nacional, resultado que valeu a quarta posição ao clube.

De acordo com a programação do jogador, a chegada dele deve acontecer na quarta-feira (22) em São Paulo. “Daí pego o primeiro vôo para Dourados. Chego pronto para jogar e quero estar à disposição já para a partida contra o Águia Negra no domingo”, diz Ost. A expectativa é que o nome dele já apareça no BID da CBF, o que lhe daria condições de jogo, até na sexta-feira.

Reforços x desfalques

Além de Willians e Ost, o Sete busca ainda reforçar o sistema defensivo, já que conta apenas com dois zagueiros e três laterais, apenas um pelo lado esquerdo e a sequência de jogos naturalmente traz os desfalques. No próximo jogo, o zagueiro Felipe, suspenso, não joga, e outros dois estão pendurados. A escolha, porém, não está fácil. “Nós temos limitação financeira e não podemos fazer loucuras. Temos que ter paciência e buscar o atleta certo para cada posição. O técnico Márcio Santos tem entendido isso e trabalhado bem com as opções que tem no momento”, diz o gestor do Sete, Tony Montalvão.

Comentário

Ao participar do lançamento da Jucems Digital (Junta Comercial do Estado de Mato Grosso do Sul), realizado nesta segunda-feira (19), no auditório da Semagro (Secretaria estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), em Campo Grande, o diretor da Fiems, Irineu Milanesi, destacou que o novo sistema marca uma nova era no acesso às informações disponibilizadas pela Junta.

“É um anseio que temos há muito tempo. Esse trabalho representa uma evolução e agilidade muito grandes na tramitação de documentação e irá satisfazer muito o setor contábil e empresarial, reduzindo tempo e custo. É um sistema muito bem planejado e eu acompanhei esse processo como vogal da Junta Comercial, que durou cerca de três anos, mas que era discutido há mais de dez anos”, afirmou Irineu Milanesi.

Na avaliação do governador Reinaldo Azambuja, o lançamento da Junta Digital é um facilitador, principalmente para os empresários, na agilidade de todos os serviços envolvidos pela autarquia. “No início de 2015, levava-se quase 35 dias para a abertura de uma empresa. Reduzimos isso para 17 dias e hoje, com esse sistema digital, poderemos fornecer essa abertura de empresas com três dias”, salientou.

Ele também ressaltou que com a Jucems Digital não é mais necessário se deslocar à sede da autarquia. “É possível fazer isso pelas vias digitais com muita rapidez, muita modernidade, dando facilidade a todo o setor empresarial e todos aqueles que necessitam dos trabalhos da Junta em Mato Grosso do Sul. Além disso, facilitará a abertura de novas empresas no Estado”, completou.

O secretário estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, explicou que durante os próximos seis meses a Jucems realizará os processos de forma digital e analógica, enquanto serão promovidas capacitações para os contadores do todo o Estado. “Temos uma parceria com o Conselho Regional de Contabilidade e vamos em todos os municípios fazer essa capacitação, porque é fundamental que o contador entenda a forma de fazer, que tipo de documento apresentar e para que ele também tenha segurança”, detalhou.

Comentário

A Prefeitura de Dourados publicou, nesta segunda-feira (19), em edição suplementar do Diário Oficial, a relação de 496 professores aprovados em concursos públicos realizados na gestão passada para o preenchimento das chamadas vagas puras, que serão contratados em caráter excepcional, segundo divulga a assessoria de comunicação do Município, atendendo determinação judicial.

Confira a lista

Essas contratações, segundo a Prefeitura, serão feitas pela ordem de classificação da lista de aprovados no concurso público, com prazo determinado até a posse dos candidatos, quando se dará a escolha definitiva de vagas. Por enquanto, o processo visa preencher vagas decorrentes de hora-atividade e também de aposentadorias ocorridas no final de 2017, segundo a assessoria.

De acordo com a assessoria de comunicação da Prefeitura, essa contratação não significa posse definitiva no concurso. “Os candidatos aprovados que optarem por aguardar para assumir no dia da posse do concurso, poderão fazer a escolha de vagas de acordo com a classificação, no dia da posse estabelecido no edital de nomeação”, justifica o texto oficial.

Também nesta segunda-feira foram publicados os editais de convocação para avaliação médico-pericial e apresentação de documentos para posse. De acordo com o que ficou acertado após audiência de representantes da Prefeitura com a Justiça, para preenchimento das 496 vagas puras, há funções onde se esgotaram a lista de espera, como Arte e Inglês e também de Educação Especial para o qual não houve concurso. Nesses casos haverá contratos nessas vagas puras na forma do decreto 727/2017, com preferência à suplência.

Explicações

Pela manhã, a prefeita Délia Razuk recebeu os vereadores Idenor Machado (PSDB) e Elias Ishy (PT), respectivamente preside e vice da Comissão de Educação da Câmara e apresentou a eles os critérios para contratação de profissionais nas unidades educacionais do município. Os encaminhamentos têm observância ao acordo judicial detalhado em diretrizes junto ao Ministério Público e apresentado ao Executivo na sexta-feira (16) passada.

“Estamos agindo para que tudo aconteça o mais rápido possível, diante da preocupação para que as unidades educacionais contem com o quadro total de profissionais na forma do acordo judicial”, informou a prefeita, que ainda chamou o assessor especial Henrique Mantovani para explicar os detalhes do acordo firmado.

Comentário

A safra de grãos de Mato Grosso do Sul está estimada em 17.895 mil toneladas para 2018, segundo dados oficiais do Ibge. Do total, 9,150 mil toneladas são referentes ao milho safrinha e 8.745 mil toneladas de soja, reafirmando o Estado como um grande produtor nacional de grãos.

Os dados, acompanhados mensalmente pela Semagro (a Secretaria estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), mostram ainda que a área plantada com soja somou 2.650 mil hectares em 2018 e a previsão é que o milho safrinha alcance 1.830 mil hectares este ano.

Mato Grosso do Sul também deve manter recorde na produtividade em 2018, com 5 mil kg de milho safrinha por hectare colhido e estimativa de 3,3 mil kg de soja por hectare. Os números destacam que a tecnologia tem ampliado a capacidade de produção dos agricultores sul-mato-grossenses.

“Em termos de resultado para economia, a safra recorde mostra que o produtor rural novamente produziu com elevada tecnologia. Nós tivemos aplicação de novas variedades em Mato Grosso do Sul, desenvolvidas com pesquisa e apoio do Estado”, disse o secretário Jaime Verruck, titular da Semagro, ao destacar os trabalhos desenvolvidos por entidades de pesquisa rural, como a Fundação MS, que recebem apoio do Governo do Estado.

Conforme os dados do Ibge, o Centro-Oeste corresponde a 43,1% da produção nacional de grãos, sendo que Mato Grosso do Sul tem 8,1% da participação nacional, com 4.605 mil hectares cultivados com grãos. A safra recorde, para Verruck, ativa a economia em todo o Estado. Com 8,7 milhões de toneladas, o MS passa a exportar e a industrializar mais soja. “É uma questão fundamental, pois temos percebido um aumento dos investimentos nessas áreas”, revela.

Comentário

A Polícia Civil apura o fato de terem sido encontradas as quatro bocas do fogão da residência ligadas depois que o Corpo de Bombeiros foi acionado para atender a ocorrência do incêndio que provocou a morte de mãe e filho nesta segunda-feira (19), em Naviraí. Não se descartam as hipóteses de acidente ou um caso de homicídio, seguido de suicídio.

“Não descartamos nenhuma possibilidade, mas os indícios reforçam a possibilidade de suicídio ou acidente”, explica o delegado Claudineis Galinari. Vizinhos e familiares das vítimas já foram convocados para falar sobre o caso, ainda nesta segunda, na delegacia.

mae e filho

Os corpos de Aldinéia Ferreira da Silva, de 30 anos, e o filho dela, Vitor Gabriel da Silva, de 12 anos, foram encontrados carbonizados no interior da residência parcialmente incendiada. Inclusive, o namorado de Aldinéia foi levado para a delegacia para prestar depoimento. Ele não estava na residência no momento do incêndio.

O secretário estadual de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, Antonio Carlos Videira, assinou nesta segunda-feira (19), com o superintendente estadual da PRF (Polícia Rodoviária Federal), Luiz Alexandre Gomes da Silva, um Termo de Cooperação Técnica em Gestão da Informação da Segurança e Compartilhamento do Banco de Dados.

A parceria tem como principal objetivo o compartilhamento de informações entre as forças policiais, facilitando o trabalho de combate à criminalidade através da atuação integrada dos órgãos, principalmente na realização de consultas e análises dos dados. O termo de cooperação terá vigência de dois anos e poderá ser prorrogado por igual período.

Segundo o secretário da Sejusp, Antonio Carlos Videira, na prática a assinatura desse documento possibilita que a PRF tenha acesso às informações do Sigo (Sistema Integrado de Gestão Operacional), que é operado pelo Estado. Em contrapartida, o Governo vai ter acesso ao banco de dados da instituição. “Essa medida faz parte do planejamento estratégico da Secretaria de Segurança Pública de reforçar a área de inteligência, para combater a criminalidade e aumentar a sensação de segurança da população sul-mato-grossense”, destacou.

Já o superintendente Luiz Alexandre Gomes da Silva informou que o Estado é o primeiro em âmbito nacional a realizar esse tipo de convênio. “Tenho certeza que a formalização desta parceria demonstra que existe em MS integração entre os órgãos de Segurança Pública tanto na área operacional, quanto no compartilhamento de dados que muitas vezes é essencial para o sucesso de uma ação”, pontuou o superintendente.

Comentário

Um empresário de 24 anos foi morto a tiros, na noite de sábado (17), dentro de casa, no município de Coronel Sapucaia. Eliton Lopes Nunes foi atingido por ao menos sete tiros, por volta das 20h40, em uma residência da rua Geraldo Ezequiel, na Vila Industrial.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima estava em casa na companhia da esposa, quando suspeitos invadiram o imóvel e realizaram os disparos. A mulher, que estava no banho, relatou aos policias ter ficado com medo de sair do banheiro e também ser alvejada.

Pouco tempo depois de deixar o cômodo, encontrou o marido já sem vida, na cama do casal, encoberto de sangue. Ao pedir ajuda, uma testemunha revelou ter visto duas pessoas chegando ao local de moto, entrando na casa e, em seguida dos tiros, fugindo em direção ao Paraguai.

De acordo com a polícia, a casa da vítima estava toda aberta no momento do crime, o que teria facilitado a entrada dos suspeitos. Foram realizadas rondas na região, mas até o momento, ninguém foi localizado ou identificado.

No local foram encontrados oito estojos de calibre 9mm e marcas na vítima indicam que ao menos sete tiros atingiram seu corpo. Eliton era bastante conhecido na região por ser dono de uma choperia na cidade.

Página 1 de 828

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus