Imprimir esta página
Quinta, 07 Junho 2018 08:27

'Reservas' do Palmeiras se dão bem em arrancada sobre o Grêmio Destaque

Escrito por
Roger Machado impoe estilo ofensivo sobre o time do Grêmio e vence na Arena Porto Alegre Roger Machado impoe estilo ofensivo sobre o time do Grêmio e vence na Arena Porto Alegre Cesar Greco/Agência Palmeiras

Keno, Miguel Borja, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa. Jogadores que fariam falta para qualquer time brasileiro, mas que tiveram a ausência muito bem suprida pelo Palmeiras. Contra o Grêmio, apesar dos desfalques, a equipe de Roger Machado fez o jogo mais consistente da temporada, analisa reportagem do portal Terra, depois da vitória do Verdão por 2 a zero sobre o Grêmio em plena Arena do tricolor gaúcho.

Antônio Carlos, suspenso, era baixa certa diante do Tricolor. Edu Dracena, porém, foi poupado de última hora por conta de desgaste muscular. Assim, Thiago Martins e Luan foram os titulares. "Não tínhamos a nossa dupla de zaga, e Luan e Thiago também sustentaram maravilhosamente bem. É um grupo forte, bem treinado", afirmou o técnico Roger Machado.

VEJA COMO FORAM OS JOGOS DA QUARTA E A CLASSIFICAÇÃO DA SÉRIE A

Victor Luis também teve atuação elogiada na vaga de Diogo Barbosa, que tem uma inflamação no músculo posterior da coxa direita e vai voltar apenas após a Copa do Mundo. Mesma situação de Keno, com lesão no mesmo local, e que foi substituído por Hyoran.

Até mesmo Willian, artilheiro do Campeonato Brasileiro com 6 gols, ao lado de Róger Guedes, e vice-goleador do Palmeiras na temporada com 12 tentos, três atrás de Miguel Borja, foi considerado reserva durante boa parte do ano. Mas não por ele mesmo, nem por seu comandante.

"A gente não tinha o Keno, o Diogo… O Victor e o Hyoran sustentaram bem. Vou repetir o que já ouvi o Willian dizer: ele não se considera um reserva, ele se considera um titular muito importante. E para que ele continue sendo importante, tem de trabalhar sempre forte. E ele trabalha, a maioria dos nossos atletas trabalham, mesmo aqueles que têm sido pouco utilizados. Para mim, junto com o Willian, tem o caso do Hyoran. Ele chegou ano passado, atuou pouco, nesse ano não foi inscrito no Campeonato Paulista, mas sempre trabalhou muito para estar à disposição quando o momento chegasse. O Willian está de parabéns, porque é um grande cara e mostrou que sabe muito bem fazer gols de centroavante", finalizou.

Última modificação em Quinta, 07 Junho 2018 08:22
Redação Douranews

Mais recentes de Redação Douranews