Timber by EMSIEN-3 LTD
  • cmd outubro rosa
Quarta, 06 Outubro 2010 16:40

Vôlei: Brasil vence Alemanha e vai à semi

Escrito por Redação Douranews, com Uol

A seleção brasileira encerrou a preparação para o Campeonato Mundial de vôlei com período de aclimatação e amistosos contra a Alemanha. E os europeus levaram a melhor com duas vitórias em três jogos. Mas agora era para valer. O triunfo valia vaga na semifinal da competição disputada na Itália. O time verde-amarelo não deu chances para seu algoz de treinos, venceu sem esforço por 3 a 0 (25-17, 25-20 e 25-19) e se classificou para as semifinais, nesta quarta-feira, no Palalottomatica, em Roma.

 

Com a tranquila vitória, o Brasil se mantém entre os cinco melhores do mundo desde 1982 e segue na luta pelo terceiro título consecutivo. Agora, já pensa na semifinal após fechar o grupo R - o mais fácil da terceira fase - na liderança. Os comandados de Bernardinho devem duelar com a rival e anfitriã Itália. A Azzurra venceu os Estados Unidos e deve confirmar a classificação diante da França, às 16h (horário de Brasília) desta quarta.

 

"Foi nota 10. Não podia ter sido melhor. Uma vitória rápida por 3 a 0 depois de uma partida não tão convincente contra a República Tcheca. Fomos bem melhor hoje, embora a Alemanha tenha errado muito e tenha facilitado o nosso trabalho", analisou Murilo, maior pontuador do jogo com 13 acertos.

 

A esperada dificuldade e a boa postura defensiva da Alemanha não foram concretizadas. O Brasil esperava um time empolgado após os bons resultados nos amistosos preparatórios para o Mundial. Mas o que se viu foi um time desorganizado e que cometeu muitos erros – 12 só no primeiro set.

 

Bruninho ainda não tinha achado a melhor bola com Leandro Vissotto, mas insistiu no oposto. Em compensação, o levantador tem em Murilo e na bola rápida com Rodrigão boas alternativas. O Brasil também cometeu alto número de equívocos no primeiro set, mas não teve trabalho para fazer 25-17 em ponto que resumiu a parcial: erro alemão, desta vez, no saque.

 

O técnico argentino Raúl Lozano fez a sua parte. Tentou mudar o time no final da primeira parcial e voltou diferente no segundo set com Schöps no lugar de Grozer, destaque alemão no Mundial, mas que estava apagado. E a equipe melhorou e proporcionou um jogo “mais jogado” com mais ralis.

 

Mesmo com a bola voltando mais vezes para sua quadra, o Brasil teve a paciência e lucidez que Bernardinho pediu. O melhor exemplo foi o 17º ponto. Em belo rali com os dois times apresentando boa relação bloqueio-defesa, a equipe verde-amarela trabalhou com calma e finalizou o ponto em bloqueio triplo de Bruninho, Rodrigão e Vissotto. Os alemães mantiveram alto número de erros e perderam por 25-20.

 

A lógica da parcial anterior se manteve no terceiro set. A Alemanha até conseguiu se manter na perseguição e não deixou o rendimento cair após já ter 2 a 0 adverso no placar. Mas, de fato, eles não mostraram competência para fazer frente aos atuais campeões mundiais em um jogo decisivo. Com Vissotto bem na partida, o Brasil teve na saída de rede a principal arma na parcial para comemorar a vaga na semifinal: 25-19.

 

Última modificação em Quarta, 06 Outubro 2010 16:43

Brasileirão - Rodada

Classificação

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus