Timber by EMSIEN-3 LTD
Quarta, 01 Abril 2020 14:59

'Isolados' na Moradia Estudantil, acadêmicos recebem kits de alimentação da UFGD Destaque

Escrito por
Caminhão da Pró-reitoria de Assistência Estudantil leva alimentos para acadêmicos Caminhão da Pró-reitoria de Assistência Estudantil leva alimentos para acadêmicos Assessoria

Entre os mais de sete mil estudantes da UFGD, a grande maioria é da cidade de Dourados e mora com a família, ou são jovens que residem com os familiares em cidades próximas e viajam todos os dias para ir à Universidade. Dessa forma, é seguro dizer que a maioria dos alunos da UFGD tem condições de fazer o isolamento social voluntário junto dos familiares.

No entanto, uma parcela de estudantes da UFGD é oriunda de outros estados e regiões do Brasil e, por isso, vive em repúblicas ou na Moradia Estudantil da Universidade. “Alguns desses estudantes não conseguiram voltar para casa de seus pais e permaneceram na Moradia Estudantil da UFGD ou nas repúblicas, sendo que esses necessitam do nosso apoio de uma forma diferenciada nesse momento”, afirma o pró-reitor de Assuntos Comunitários e Estudantis, professor Mário Sérgio Vaz.

Em tempos de normalidade, o RU (Restaurante Universitário) da UFGD serve uma média de 1.500 refeições diariamente para a comunidade acadêmica. Para os estudantes que comprovam vulnerabilidade socioeconômica (que são o público-alvo das políticas de assistência estudantil), as refeições custam R$ 3,00, e os demais estudantes pagam um valor de R$ 3,60. A universidade subsidia, respectivamente, R$ 8,00 e R$ 7,40 em cada refeição. Com o fechamento do RU por conta da suspensão do calendário acadêmico, muitos dos estudantes assistidos pela Proae (a Pró-reitoria de Assuntos Comunitários e Estudantis) não têm condições de pagar a diferença nos valores cobrados por restaurantes do centro da cidade, nem mesmo têm recursos suficientes para fazer compras em supermercados.

Nesse sentido, a equipe esteve na Moradia Estudantil no sábado (28) e entregou 33 kits de cesta básica de alimentos aos estudantes, de acordo com o levantamento prévio dos acadêmicos. Cada estudante residente na Moradia Estudantil recebeu uma cesta.

“Cabe lembrar que os alunos ativos na Proae continuam recebendo a bolsa de assistência estudantil e está em tramitação um auxílio emergencial para contemplar os acadêmicos que se enquadram nos critérios do Pnae (o Plano Nacional de Assistência Estudantil) e que se mantiveram na cidade de Dourados, não conseguindo voltar para a casa de suas famílias. A ideia é oferecer um auxílio para a alimentação neste período de suspensão das atividades no Restaurante Universitário”, informa o pró-reitor.

Mário Sérgio explica, ainda, que apoiar a medida de isolamento social de estudantes e servidores da UFGD não significa que as atividades da pró-reitoria foram interrompidas. A Proae continua executando uma série de trabalhos e serviços essenciais aos acadêmicos da UFGD. Estão mantidos todos os trabalhos técnico-administrativos necessários para o lançamento dos pagamentos das bolsas e dos auxílios dos estudantes. “Reforçamos que o pagamento das bolsas e dos auxílios serão mantidos, exceto o auxílio transporte, uma vez que os estudantes não devem ir para a Cidade Universitária neste período”, detalha o professor.

  • Vitoria

O Tempo Agora

  • mascaras
  • unigran novo

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis