Timber by EMSIEN-3 LTD
Douranews - Economia
Redação Douranews

Redação Douranews

A vereadora Denize Portolann (PSDB) assinou na manhã desta quarta-feira (1) o Termo de Recondução ao mandato no gabinete da Presidência da Câmara Municipal de Dourados.

O presidente do Legislativo, vereador Alan Guedes (Progressistas), fez a leitura do termo que reconduz a professora Denize em substituição ao vereador Braz Melo, que teve declarado a perda do mandato, nos termos da decisão proferida pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça).

A parlamentar reconduzida já havia prestado juramento em 12 de setembro de 2018, conforme Termo de Posse e Ata da Solenidade, arquivados nos anais da Casa de Leis.(Da assessoria)

Comentário

Com a situação sanitária e de saúde voltando ao normal e o Paraguai entrando na quarta fase da Quarentena Inteligente, apresentando um dos melhores resultados mundiais no controle da pandemia do Covid 19, a UCP (Universidad Central do Paraguai) volta a matricular alunos que pretendem iniciar o curso na melhor faculdade de medicina do país.

Com campus universitários em Pedro Juan Caballero e Ciudad Del Este, a oferta de vagas está sendo feita de forma on line e de maneira simplificada no portal www.medicinaucp.com, onde o candidato preenche todos os dados oficiais corretamente, efetua o pagamento via depósito ou transferência bancária na conta que consta no site, envia foto do RG, Certidão de Nascimento, Histórico Escolar de conclusão de Ensino Médio com seus anexos. Depois de concluído este processo, os dados devem ser enviados no WhatsApp +595 984 103303. Após o envio a universidade entra em contato com o candidato em até 72 horas por chamada ou mensagem no WhatsApp.

A Universidade Central do Paraguai continua com suas aulas normalmente na sua plataforma de Ensino a Distância e foi a pioneira nesta modalidade tendo a atividade em EaD reconhecida pelo Cones (o Conselho Nacional de Ensino Superior paraguaio) através da Resolução 09/2020 que estabelece que a instituição pode implementar e aplicar ferramentas digitais de ensino-aprendizagem em substituição das aulas presenciais, a fim de continuar desenvolvendo o conteúdo das matérias ou disciplinas das carreiras e programas legalmente autorizados, mantendo os processos e o calendário acadêmico das entidades educacionais enquanto durarem as medidas de combate à Covid 19 em todo o território nacional.

A iniciativa da UCP serviu de modelo para as autoridades de ensino superior paraguaias, já que o Cones reconheceu que as medidas tomadas pela universidade, na migração de ensino presencial para a distância, cumpria todas as exigências atendendo às necessidades educacionais para garantir a boa qualidade exigida por lei.

A Central já tinha a plataforma implantada que era usada pelos alunos como uma ferramenta complementar e nos cursos de graduação e pós-graduação e todos os professores, mestres e doutores passaram por treinamento e adaptação para continuar ministrando as aulas por vídeo conferência e por ferramentas digitais. Hoje, com a experiência adquirida com a aplicação do sistema EaD durante os últimos meses, o programa foi aprimorado e com isso houve um ganho de qualidade no material oferecido e um ganho substancial no aproveitamento dos universitários em relação ao material aplicado pelos professores.

Outras informações podem ser obtidas no site da universidade no www.medicinaucp.com. Informações / WhatsApp +55 67 99677 0757 e e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. As vagas são limitadas.

Comentário

A Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres, da Prefeitura de Dourados, está convidando as farmácias para apoiarem a campanha “Sinal Vermelho” contra a violência doméstica. A ação acontece em nível nacional e em Dourados a entidade tem se mobilizado e convidado a sociedade para que participe.

Nesta etapa, conforme a coordenadora Sonia Pimentel, o intuito é realizar uma parceria com as farmácias para atender às mulheres vítimas de violência doméstica. “Queremos que esses estabelecimentos se unam a essa luta na busca de ajudar as mulheres vítimas de agressões pelos parceiros ou ex-parceiros, de forma que não serão prejudicados ou perseguidos por isso”, disse.

O intuito é divulgar ao máximo o “norte” da campanha que é simbolizada pelo “X” na mão. O sinal deve ser feito pelas vítimas como solicitação de apoio contra o agressor. “Essas mulheres podem sinalizar com a mão e as farmácias, aderindo a esse ato, facilitarão por serem muitos pontos na cidade”, comenta.

A definição para o convite aos estabelecimentos ao “Sinal Vermelho” aconteceu após reunião virtual da CPPM de Dourados, na manhã desta terça-feira (30), com a subsecretária estadual de Políticas Públicas para as Mulheres, Luciana Azambuja.

De acordo com Sônia Pimentel, outros desdobramentos da campanha “Sinal Vermelho” devem ocorrer nos próximos dias em Dourados, como iniciativas do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) e da AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros), em parceria com os tribunais, associações e outros órgãos públicos e privados. Em Mato Grosso do Sul, o Tribunal de Justiça é apoiador do ato. (Com assessoria)

Comentário

A Prefeitura de Dourados atende solicitações apresentadas pelo vereador Romualdo Ramim (DEM) e designou frentes de trabalho da Semsur (Secretaria municipal de Serviços Urbanos) na Avenida Indaiá e no Jardim Ouro Verde.

Na avenida, foram realizados os serviços de limpeza da via, com a retirada de terra trazida pelas chuvas, desentupimento das galerias de águas pluviais, além de roçada dos canteiros e da rotatória e ainda tapa buraco. E a frente levada ao Jardim Ouro Verde priorizou o serviço de tapa buraco, mas também o bairro recebeu a limpeza e melhorias na sinalização e na iluminação pública.

"Essas são duas regiões que estamos visitando constantemente e por isso, presenciamos no dia a dia os serviços que mais são necessários. Sabemos que a manutenção dos espaços públicos deve acontecer periodicamente, mas a alta demanda e o déficit dos recursos públicos ainda dificultam a viabilização das melhorias e isso exige que façamos a gestão política necessária para resolvermos os problemas que esses moradores enfrentam", explicou Ramim.

“Na avenida Indaiá o problema é mais grave e sempre retorna com as chuvas, por isso, desde o início do nosso mandato encampamos essa luta. Além de causar quedas, principalmente de motociclistas, o acúmulo de lama e terra na via também entope as caixas de captação de águas pluviais, agravando ainda mais o problema. Para revolver definitivamente o problema, estamos buscando recursos para pavimentar as poucas ruas que cruzam a avenida, pois a falta de pavimentação gera todo o transtorno que afeta toda a região”, continuou o vereador.

Para as próximas semanas, a Prefeitura deve levar as frentes de serviços a outros bairros da cidade, que também constam na lista de reivindicações do vereador.

Sessões da Câmara

Durante a pandemia, seguindo a orientação dos órgãos de saúde, as sessões da Câmara Municipal estão acontecendo virtualmente, no entanto, sempre atento às medidas de segurança, Ramim continua percorrendo os bairros da cidade, fazendo o levantamento dos problemas de infraestrutura e utilizando as prerrogativas de vereador para buscar soluções.

As sessões acontecem todas as segundas-feiras, às 18h30, e podem ser acompanhadas ao vivo no canal da Câmara no YouTube.

Comentário

O vereador Olavo Sul (MDB) está cobrando novamente da Prefeitura de Dourados explicações em relação aos repasses do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul), já que, segundo ele, pouco se tem feito em relação às vias não pavimentadas e estradas rurais dos distritos, aldeias e sitiocas.

“O município recebe esses repasses para fazer a manutenção de estradas rurais e vias, desde o começo do mandato temos cobrado do Poder Executivo um melhor atendimento”, diz.

“Cobramos respostas e sempre são respostas evasivas, em alguns casos nós, vereadores, temos recorrido ao vice-governador Murilo Zauith (DEM) e a Agesul (Agencia Estadual de Gestão e Empreendimentos), que tem nos atendido na medida do possível”, apontou Olavo.

O vereador ainda solicitou informações sobre os serviços que foram executados no período de arrecadações e quais os valores investidos. "Os moradores estão reclamando da falta de investimento nas sitiocas, distritos e estradas rurais, temos encaminhado as solicitações, mas, a maioria das vezes quem tem executado o serviço é a Agesul, então estamos solicitando informações onde está sendo usado o dinheiro", comentou.

"São diversas as reclamações de falta de assistência do poder público. Moradores relatam a falta de iluminação, ruas intransitáveis e que, na sua maioria, a situação fica ainda pior neste período de chuvas, exemplo são as sitiocas que desde o começo do mandato temos cobrado uma atenção à população", completou o vereador.

Olavo finalizou ressaltando suas preocupações. "Estou preocupado, pois desde o começo da administração os moradores enfrentam os mesmos problemas, os distritos e as sitiocas estão pagando os impostos, porém veem um retorno mínimo. Por isso protocolei um requerimento solicitando que informações sobre os impostos dos distritos, sobre IPTU das sitiocas e agora estamos cobrando informações sobre o Fundersul, é um direito dos moradores ter atendimento básico, já que são pagadores de seus impostos". (Com assessoria)

Comentário

A pandemia da Covid-19 bateu novo recorde em Mato Grosso do Sul com a confirmação de mais 711 casos e 11 mortes nas últimas 24 horas, conforme o mais recente boletim epidemiológico da Secretaria estadual de Saúde divulgado no final da manhã desta quarta-feira (1), indicando ainda que Campo Grande se aproxima de retomar a condição de epicentro do coronavírus.

Com dois óbitos e 323 testes positivos, a capital do Estado chegou a 2.491 casos, ainda no segundo lugar do mapa, onde Dourados aparece como o epicentro, com 2.670 ocorrências. Nas últimas 24 horas, Dourados registrou 134 novos casos. Há, ainda, 1.394 exames coletados aguardando para encerramento dos testes no Município.

O número de pessoas infectadas pelo novo vírus saltou de 7.965 para 8.676 em Mato Grosso do Sul. Essa deve ser a tendência de aumento, a partir de agora, com a apresentação do resultado dos exames que estavam represados e passaram a ser analisado no Instituto Butantan, em São Paulo, uma vez que a estrutura do Lacen/MS, o Laboratório Central do Estado, se mostrava insuficiente.

CONFIRA O NOVO BOLETIM

Na madrugada desta quarta-feira, a Secretaria de Saúde confirmou a morte do médico Miguel Yoneda, de 74 anos, que estava internado no HU (Hospital Universitário) em Dourados. Ele é o primeiro médico morto pela pandemia no Estado.

Comentário

O licenciamento para veículos com placa finais 5 e 6 começa nesta quarta-feira (1) e vai até o último dia do mês. A data foi prorrogada em um mês, como medida de prevenção e combate ao novo coronavírus (Covid-19). Os condutores sul-mato-grossenses já podem imprimir o documento do veículo em papel comum (A4), com a mesma validade oficial do papel moeda.

O diretor-presidente do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) de Mato Grosso do Sul, Rudel Trindade, lembra que não é necessário procurar as agências para emissão do boleto, bastando que o proprietário acesse o site do Detran-MS ou baixe o aplicativo Detran Mobile. “Com isso, também é possível que o pagamento seja feito sem sair de casa, ou seja, utilizando um aplicativo bancário”, comenta.

Para imprimir o documento em casa é necessário acessar o site do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) para fazer o cadastro. “Para emitir o documento eletrônico, é necessário que o proprietário esteja em dia com as obrigações e débitos do veículo junto aos órgãos de trânsito”, comenta o diretor de Veículos do órgão, Arioldo Centurião.

ACESSE O CALENDÁRIO e veja na tabela a correspondência do número final da placa com o mês de vencimento do licenciamento para cada veículo.

Comentário

Acadêmicos e professores do Grupo de Pesquisa Científica de Agronomia da Unigran estão comemorando mais uma importante conquista: a publicação de um dos projetos em uma das maiores revistas científicas nacionais. A qualidade e relevância do trabalho intitulado ‘Influência do adjuvante Atumus na aplicação de herbicidas’ é o sexto capítulo da revista ‘A transformação da Agronomia e o perfil do novo profissional’, da Atenas Editora, de Ponta Grossa/PR.

Wesley Souza Prado, professor fundador do grupo, explicou que a iniciativa surgiu para aproximar o acadêmico da pesquisa científica. “Criamos o grupo há dois anos com o objetivo de apoiar os alunos que querem atuar no campo da pesquisa e tenham interesse na pós-graduação, seja especialização, um programa de mestrado ou de doutorado. Nele, fomentamos a elaboração de ideias e projetos inovadores, bem como suas execuções em campo ou laboratório. Atualmente, o grupo conta com a participação de alunos desde o primeiro ao último semestre dos cursos de Agronomia e Tecnologia em Produção Agrícola”, disse.

A pesquisa publicada foi a primeira executada em campo e contou com a parceria de uma empresa privada, que atua no ramo de adjuvantes agrícolas. O trabalho consistiu na testagem de um dos produtos comercializados que, após ter os resultados colhidos, foram apresentados cientificamente.

“Foi muito gratificante recebermos o convite da Atenas Editora para esta publicação. Temos a certeza de que esse foi o primeiro de muitos outros trabalhos, pois em todas as safras nós desenvolvemos pesquisas, seja no campo, laboratório ou casas de vegetação, quando aplicamos experimentos aos nossos alunos e os orientamos quanto a todo o planejamento e execução, para então colher os resultados e escrever trabalhos para os eventos científicos da nossa área”, complementou Prado.

O grupo possui parcerias firmadas com diversas empresas, que geralmente trazem demandas e, a partir delas, a equipe inicia as atividades, testando produtos, sementes ou adubos.

Para a aluna do 7º semestre, Tatiane do Vale Matos, participar do grupo de pesquisa contribui significativamente para a atuação profissional. “Junto com nossos professores, nós desenvolvemos importantes projetos que possibilitam fazer o manejo de novas tecnologias e isso é muito importante, considerando que a nossa área está em constante atualização, sempre apresentando novos produtos e métodos. Além da experiência e do contato com o mercado de trabalho, as pesquisas complementam a nossa formação, colocam em prática o conhecimento teórico e mostra a qualidade do ensino oferecido pela Unigran, por meio do corpo docente e das atividades de extensão do nosso curso, além de contribuir com a comunidade, disponibilizando os conhecimentos produzidos na academia”, apontou.

Compõem o corpo de autores do trabalho os professores Mateus Luiz Secretti, coordenador do curso de Agronomia, Cácia Leila Tigre Pereira Viana, coordenadora do curso de Tecnologia em Produção Agrícola e Wesley Souza Prado, coordenador do grupo de pesquisa, além dos alunos Andrei Araújo Andrade, Fabricio da Silva Santos, Ledenilson Izaias da Silva, Samuel Almeida da Silva Filho e Tatiane do Vale Matos.

Segundo o coordenador do grupo, uma das próximas atividades será a realização de palestras em escolas técnicas, empresas e para produtores rurais, sobre os projetos desenvolvidos pelos estudantes, que possuem grande contribuição para a área. A publicação está disponível no link https://www.atenaeditora.com.br/post-artigo/34581.

Sobre a Atenas Editora

A Atenas Editora publica report de pós-doutorado, teses, dissertações, monografias, trabalhos de conclusão de curso, artigos científicos, anais de congressos, simpósios e encontros de pesquisa, proceedings de eventos, textos independentes e preprints, em todas as áreas do conhecimento. A revista já editou e publicou mais de 1.400 livros e 27.000 mil artigos chancelados pelo conselho editorial, garantindo o Qualis Livro e também viabilizando o crescimento acadêmico e curricular dos autores pesquisadores.

Comentário

O professor Paulo Henrique Hoeckel, do curso de Ciências Econômicas da Face, está participando do evento internacional Lindau Nobel Laureate Meetings’ Online Sciences Days 2020, que encerra nesta quarta-feira (1), em Lindau, na Alemanha. Este é um dos mais renomados eventos da comunidade científica internacional, e ocorre todos os anos, e que, devido à pandemia da Covid-19, foi transformado em reuniões on-line.

Os Encontros de Lindau acontecem anualmente, reunindo cerca de 40 ganhadores do Nobel com aproximadamente 600 estudantes de graduação, doutorandos e pesquisadores pós-doutores de todo o mundo. O foco da programação é promover o diálogo, com sessões projetadas para que premiados pesquisadores e jovens cientistas compartilhem conhecimentos, ideias e experiências. Assim, a iniciativa promove o intercâmbio entre cientistas de diferentes gerações, culturas e disciplinas.

A cada ano, o evento se concentra em uma das três disciplinas do prêmio Nobel dentro das ciências naturais: física, química, e fisiologia e medicina. A cada cinco anos ocorre uma reunião interdisciplinar, com pesquisadores dessas três áreas. Além disso, a cada três anos é realizado o Encontro Lindau de Ciências Econômicas.

O professor Paulo Henrique Hoeckel foi selecionado para participar neste ano como Lindau Alumni, pois participou do 6th Lindau Meeting on Economic Sciences, em 2017. Na ocasião, o docente da UFGD esteve na Alemanha junto a 17 Prêmios Nobel de Economia e mais 350 jovens economistas de 66 países.

Os “Encontros Lindau com Prêmios Nobel” foram iniciados em 1951, como uma iniciativa europeia de reconciliação entre os cientistas no pós-guerra. Em quase 70 anos de tradição, os encontros de Lindau se tornaram um dos mais reconhecidos fóruns internacionais de intercâmbio científico.

Comentário

A Secretaria municipal de Saúde está convocando candidatos classificados em processo seletivo simplificado (conforme o edital 002/2019), de acordo com o resultado final homologado no Diário Oficial. Esses candidatos devem se apresentar, nesta quinta-feira (2), pela manhã, no Departamento de Atenção Primária da Secretaria, à Rua Coronel Ponciano, 900.

Os convocados, no total de dez, devem se apresentar munidos de documento de identificação com foto, documento CPF (Cadastro de Pessoa Física), documento de comprovação de escolaridade e comprovante de residência (originais e cópias).

Foram convocados os seguintes candidatos ao cargo de Auxiliar de Serviços de Manutenção e Apoio, com carga horária de 40 horas: Ana Maria Ramos de Oliveira, Maria Lucia Jesus de Oliveira, Rosana da Silva Lima, Juliana Verão de Carvalho Souza, Valkiria Dias de Oliveira, Ricardo Augusto da Silva, Dileide Ferreira Camilo, Maria Aparecida da Silva Nogueira, Vanesa Rodeline Ribeiro Coquetti e Jaqueline Sotolani de Paula.

Comentário

Página 10 de 1689
  • disk corona
  • full house
  • unigran 150
  • Editais
  • Alems respeito

O Tempo Agora

  • mascaras
  • unigran novo

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis