Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

O Projeto Missão Musical ADM, do Departamento de Música da Igreja Assembleia de Deus Missões em Dourados, vai realizar sábado (24) e domingo (25), às 19 horas, no Templo Central localizado na avenida Hayel Bon Faker, 2230 (em frente da Praça Pedro Rigotti), um concerto de formatura dos novos alunos.

De acordo com a responsável pelo departamento de música, a maestrina Ozeni Ferbone, encarregada da preparação da turma e dos arranjos a serem exibidos durante o concerto, nessa etapa estão sendo formadas turmas das diferentes etapas da musicalização para execução de instrumentos de cordas ou de sopro e que irão integrar a Orquestra Sinfônica ADM.

A Igreja Assembleia de Deus missões tem como pastor presidente Marcos de Assis e o evento deste final de semana é gratuito.

Comentário

Uma menina de 2 anos morreu no final de semana em Aparecida do Taboado, depois de cair do carro conduzido pelo pai dela. Ana Clara viajava no banco traseiro, mas não ocupava a cadeirinha obrigatória, com o veículo em movimento.

Conforme repercute o site JPnews, de Três Lagoas, a bebê caiu do carro depois que a porta traseira se abriu e chegou a ser socorrida ao hospital da cidade, mas morreu dez minutos depois de receber os primeiros atendimentos.

O ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, vem a Campo Grande na quinta-feira (22) participar do encerramento da VIII Reunião do Grupo de Trabalho do Corredor Rodoviário Bioceânico, que começa nesta quarta (21), no Hotel De Ville Prime. O ministro Ernesto chegará a Campo Grande na manhã do dia 22 e participará da mesa de encerramento do evento, que está programada para as 11h50, com a presença do governador Reinaldo Azambuja e de autoridades do Chile, Paraguai e Argentina.

A reunião anterior do Grupo de Trabalho aconteceu nos dias 3 e 4 de abril, em Assunção; Mato Grosso do Sul estava representado pelo secretário Jaime Verruck, da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar). O GT do Corredor Bioceânico é composto por técnicos e autoridades do Brasil, Argentina, Paraguai e Chile e vem se reunindo desde 2016 para tratar da implantação da rota rodoviária ligando os dois oceanos (Atlântico e Pacífico), tendo Mato Grosso do Sul como centro geográfico.

Comentário

O vereador Juarez de Oliveira (MDB) solicitou, na semana passada, durante reunião com o vice-governador e secretário de Infraestrutura, Murilo Zauith, a realização de estudos para a duplicação da rua General Osório, em Dourados. De acordo com o vereador, a solicitação vem ao encontro com os anseios da população.

"A rua recebe um intenso fluxo de veículos diariamente e pedestres que se arriscam ao atravessar a via estreita para acesso a diversos bairros. Diante disso, trará melhorias para o tráfego na região e evitará acidentes", comentou Juarez ao encaminhar a solicitação.

Comentário

A estudante do curso de Licenciatura em Química Vespertino da UFGD, Byanca Amaral Candido, foi premiada com o segundo melhor trabalho apresentado no IX Simpósio de Análise Térmica (SiAT), realizado em Goiânia, de 11 a 13 de agosto.

O trabalho, intitulado “Caracterização termoanalítica de biofilmes inteligentes produzidos a partir de amido de milho”, foi a realização de estudos térmicos para saber quais as condições em que o biofilme pode ser empregado. Byanca Amaral Candido explica que os biofilmes são de maneira geral uma tendência para o futuro, porque além de embalagens, geralmente têm outras funções.

“Neles são adicionadas substâncias que aumentam a vida útil do que for embalado ou indicam se estão bons para o consumo. Ainda temos muitas perspectivas para esta pesquisa e muito trabalho também. A importância de participar de eventos científicos como este é que além da experiência de falar em público, também conhecemos a pesquisa dos demais colegas”, disse Byanca.

Para o orientador Tiago André Denck Colman, a importância de Byanca Amaral Candido ter seu trabalho premiado é que ele faz parte do projeto de TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) da estudante, foi realizado nas dependências da UFGD e ganhou destaque em um simpósio de grande relevância para a área por congregar pesquisas de todo o país. “Esta é a segunda vez que acadêmicos do Grupo de Análise Térmica e Materiais (GAMA) da UFGD são premiados no evento, mostrando assim a relevância dos trabalhos envolvendo análise térmica que vem sendo realizados nos laboratórios da UFGD”, afirmou o professor da Facet (Faculdade de Ciências Exatas Tecnológicas).

Comentário

Alunos da Escola Nova Época receberam o curso de Nutrição da Unigran e participaram do projeto ‘Ciranda dos alimentos’. A atividade foi coordenada pelas professoras Andrea Ribeiro Luz Chama e Priscilla Araújo Quinália e teve o objetivo de ensinar as crianças sobre a importância da higienização das mãos e dos alimentos.

Segundo Ribeiro, o projeto acontece em duas etapas. “O objetivo do projeto é fazer com que as crianças aprendam sobre uma alimentação saudável. Na primeira etapa, abordamos sobre a composição dos alimentos, ou seja, as vitaminas, carboidratos, proteínas, lipídios e minerais. Nesta segunda etapa, estamos falando sobre o plantio do hortifrúti e a importância da higiene tanto pessoal, das mãos, quanto dos alimentos”, explicou.

A professora Andrea mencionou que a integração com outras crianças ajuda na alimentação saudável. “Na maioria das vezes, a criança sozinha não comeria salada, mas aqui constatamos que quando uma vê a outra comendo, ela também come, estimulando a curiosidade para experimentar alimentos que já são da rotina dele e que em casa não comeria”, ressaltou.

O acadêmico Carlos Eduardo Borlina, do 4º semestre, destacou a contribuição da atividade para a sua formação profissional. “Participar de projetos como esse é extremamente importante na vida acadêmica, porque nós temos a projeção do futuro mercado de trabalho. Estar com esses alunos, que poderão ser nossos futuros pacientes, nos dá a experiência de como será o atendimento infantil, por exemplo”, apontou.

O projeto é das disciplinas de Composição dos Alimentos e Higiene dos Alimentos e contou com a participação de alunos do segundo, quarto e sexto semestre.

Comentário

O deputado Barbosinha (DEM), líder do Governo na Assembleia Legislativa, afirmou nesta segunda-feira (19) que vai interceder junto ao presidente da Sanesul, Walter Carneiro Junior, para que a empresa ‘adote’ o córrego Rego D’Água, em Dourados. Assoreado e tomado pela degradação, com restos de construção, entulhos e todo tipo de sujeira impedindo o leito normal, as águas do córrego apresentam nítidos sinais de poluição ambiental, conforme constatou o internauta João Paulo Castro no final de semana.

Barbosinha disse ao Douranews que ao ver a publicação desse fato, ainda no domingo, se sensibilizou com o problema. “O mal das cidades em processo de crescimento é que costuma se ignorar a questão ambiental priorizando-se as construções de prédios, expansão de bairros, abrir mais espaços para carros, poluição enfim; estamos sacrificando o nosso futuro”, disse o deputado, ao anunciar que vai propor à Sanesul que encampe essa idéia de recuperar o Rego D’Água e demais áreas de nascentes no Município.

O Rego D’Água nasce no trecho compreendido pelas ruas Cuiabá, Presidente Vargas, Joaquim Teixeira Alves e Firmino Veira de Mattos, é o mais assoreado de Dourados e tem sofrido com a ocupação desordenada, com o acúmulo de lixo nas margens e as ligações clandestinas de esgoto que começam logo atrás do Fórum da Justiça do Trabalho e se prolongam por toda extensão. Na região também funcionam repartições públicas como os cartórios da Justiça Eleitoral e a sede das Promotorias do Ministério Público Estadual no Município.

“A nascente do Rego D’Água é, oficialmente, localizada na Rua Cuiabá, mais precisamente sob os banheiros da antiga feira-livre [que ali funcionou por mais de 30 anos], mas as minas que deram origem ao córrego se localizam na região da antiga Prefeitura [na esquina das ruas Joaquim Teixeira Alves com João Rosa Góes] e foram ocupadas de forma irregular", já denunciou, há cerca de cinco anos, o arquiteto e ambientalista Luiz Carlos Ribeiro, um dos fundadores da ONG Salvar (Sociedade de Defesa do Meio Ambiente) em Dourados.

Recentemente, em Campo Grande, a Sanesul firmou parceria com o Governo do Estado para assumir o Parque das Nações Indígenas, nos altos da avenida Mato Grosso, que demanda ao Parque dos Poderes, na Capital, visando transformar o espaço em um centro de pesquisas, visitação e atrativo turístico, oferecendo conhecimentos e informação às pessoas que passarem pelo local. “O mesmo pode ser feito aqui, com o Rego D’Água, um ponto da nossa história, estendendo essa preservação ao Laranja Doce, córrego do Paragem e outros mananciais que ainda restam no traçado da cidade”, apontou Barbosinha.

Ao constatar, na manhã de domingo (18), o ambiente de abandono e deterioração de um dos pontos, inclusive, usado para passeios e visitação do Rego D’Água, o corretor imobiliário João Paulo Castro alertou que o riacho ficaria muito bonito, “se fosse bem tratado, mas, infelizmente, já dá sinais de poluição”. Lembrou ainda que existem vários locais em Dourados “que poderiam ser transformados em verdadeiros espaços de visitação e passeios na cidade”.

VEJA O VÍDEO

Comentário

Um homem armado e com gasolina faz reféns dentro de um ônibus desde as 5h25 desta terça-feira (20). O coletivo está parado na Ponte Rio-Niterói e, segundo o portal G1, por volta de 7h30 (horário de MS), ainda havia 31 pessoas reféns, conforme a PM. Seis já foram soltas. Anteriormente, a PM falava em 22 sequestrados no total. O trânsito para o Rio está fechado desde as 6 horas.

Ainda não se sabe a motivação do sequestrador, mas a PM considera que a ação foi premeditada. Ele afirma ter um revólver, uma pistola de choque e o combustível. O sequestro foi anunciado às 5h26; pouco antes das 6, o ônibus foi atravessado na pista sentido Rio da Ponte e o criminoso, armado, ameaça incendiar o veículo.

"Temos um homem que se identificou como policial militar. Ele está ameaçando jogar gasolina no ônibus, colocando os passageiros em perigo. Estamos em negociação com ele para liberar mais reféns, não sabemos qual o real propósito dele", explicou Sheila Sena, porta-voz da PRF (Polícia Rodoviária Federal), que monitora o local.

Comentário

O vereador Madson Valente (DEM) promete encaminha, na sessão ordinária desta segunda-feira (19), mais um requerimento cobrando informações, por parte do Executivo municipal, com relação ao início de obras e dos procedimentos legais não cumpridos, mas que são estabelecidos em obras públicas, nos distritos de Vila Formosa e Macaúba. No ano de 2018, os distritos foram agraciados com o anúncio de revitalização de espaços no entorno dos ginásios, construção de pistas de caminhadas, calçamentos, reforma das quadras de esportes e instalação de academias de saúde, entretanto, na oportunidade em que foram anunciadas, o vereador Madson Valente chamou atenção para o descumprimento daquilo que está estabelecido na Lei 8666/1993 e que, inclusive, há uma cartilha emitida pelo TCU (Tribunal de Contas da União) para as devidas orientações.

"Adverti ambas as comunidades, naquela oportunidade, apontando que toda aquela movimentação e publicidade eram atos de irresponsabilidade pública, que eu considerava aquelas atitudes desrespeitosas, pois tratavam de enganação, pois não haviam objeto, não havia origem dos recursos orçamentários para as despesas com a obra, não havia acompanhamento técnico e, na época, verificamos que a execução estaria sendo feita por prestadoras de serviços, inclusive fugindo do objeto contratualizado", explicou Madson.

O vereador afirma que na oportunidade fez os questionamentos necessários e que teria recebido informações que tudo seria regularizado, cumprindo-se aquilo que determina a lei e que as comunidades seriam reparadas pelos gravíssimos erros de ordens jurídicas e técnicas. "Infelizmente há uma morosidade tamanha, ambas as comunidades nos cobram. Estou cumprindo com minha obrigação de vereador, por isso estarei encaminhando novo requerimento", apontou Madson.

Comentário

Policiais militares rodoviários de Ponta Porã apreenderam, em policiamento ostensivo na madrugada desta segunda-feira (19), no Km 60 da rodovia estadual MS 156, no trecho compreendido entre os municípios de Amambai e Caarapó, um carregamento com mais de duas toneladas de maconha camufladas em uma carga de ração para frangos.

Ao abordarem o caminhão Volkswagen CRM 6X2, com placas de Salvador, os policiais tiveram que empreender perseguição ao motorista que se recusou a atender a ordem de parada. V.M.O. só foi detido após 10km percorridos na captura, e informou ter saído de Coronel Sapucaia, onde descarregou uma carga de sal mineral, e que lá teria sido contratado para carregar ração para frango e levar para a cidade de Mirassol/SP.

Detalhada vistoria na carroceria do veículo, entretanto, ajudou os policiais a localizarem, em meio aos sacos de ração, fardos contendo substancia análoga à maconha, que após pesada totalizou 2,014 toneladas da droga. O condutor do caminhão confessou, depois, ter sido contratado por 20 mil reais para entregar a carga no destino final. O veículo, com a droga apreendida e o motorista, foram encaminhados para a Delegacia de Polícia em Amambai.

Comentário

Página 3 de 1406
  • unimed nova
  • cassems
  • governo raly

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus