Timber by EMSIEN-3 LTD
Segunda, 25 Janeiro 2021 17:01

Prefeitura estuda pagar primeira parcela dos 15% restantes na quinta-feira aos servidores Destaque

Escrito por
Servidores do Hospital da Vida protestaram dia 15 na Prefeitura e ameaçam com novo manifesto Servidores do Hospital da Vida protestaram dia 15 na Prefeitura e ameaçam com novo manifesto Divulgação/Sindenf

Informações obtidas pelo DOURANEWS dão conta de que a Prefeitura está se preparando para pagar, até nesta quinta-feira (28), a primeira parcela da negociação firmada com os servidores públicos que ainda não conseguiram receber o salário de dezembro do ano passado. Se confirmada, a atual administração antecipa em dez dias o acordo de parcelamento anunciado pelo prefeito Alan Guedes (PP) assim que descobriu que a administração passada não deixou saldo em caixa para quitação do compromisso.

De acordo com a Secretaria municipal de Fazenda, com o dinheiro encontrado no Tesouro a Prefeitura conseguiu pagar, dia 15 passado, o salário integral de 6.730 servidores que ganham até R$ 4.500 líquidos. A estratégia levou em conta o pagamento da maioria dos servidores, como divulgou à época a assessoria de comunicação do Município. O saldo remanescente a pagar, no valor de R$ 8.883.764,38, foi anunciado que seria depositado na conta dos servidores em três parcelas, nos dias 5, 16 e 26 de fevereiro, totalizando R$ 23.981.827,13.

Nesta segunda-feira (25), contudo, fonte ouvida pelo DOURANEWS relatou que o prefeito Alan Guedes determinou ‘mais um aperto’ nas contas com o objetivo de antecipar o escalonamento do restante, levando em conta, também, o fato de que profissionais da saúde, que atuam no Hospital da Vida e da UPA, estariam prometendo paralisação das atividades nesta semana, caso não recebam os salários atrasados. E esse foi o setor dos 15% restantes mais atingido com a decisão do prefeito de parcelar a quitação da folha de dezembro.

No dia em que completou duas semanas de mandato, o prefeito já enfrentou a primeira manifestação de servidores por salários atrasados e, junto com eles, integrantes do movimento pela moradia cobraram política de distribuição de casas às famílias que ocupam áreas de invasão na periferia da cidade. Há uma força-terefa na Prefeitura mobilizada para que esse quadro não volte a se repetir ainda dentro dos primeiros trinta dias da atual gestão, o que poderia afetar os ânimos da própria equipe diante do quadro "mais feio do que a gente pensava", como disse um dos novos ocupantes de cargos designados por Alan Guedes para conduzir o Município.

Em material de divulgação distribuído pela assessoria no dia 14 deste mês, o prefeito Alan Guedes disse que a atual gestão estava se esforçando para honrar e priorizar os salários dos servidores municipais, mesmo sabendo que essa decisão iria comprometer o planejamento financeiro anual de 2021. “Esses recursos poderiam ser usados para investimentos, para limpar a cidade, para melhorar a qualidade de vida das pessoas que vivem em Dourados e pagam seus impostos. Mas, o mais importante é corrigir as falhas do passado e seguir em frente”, afirmou Guedes.

DESTAQUE NACIONAL

  • Douranews Anúncio
  • unimed fevereiro

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis