Timber by EMSIEN-3 LTD
  • ms dengue
  • Dnews Whats
Quinta, 03 Dezembro 2020 08:24

Dourados lidera abertura de vagas e setor industrial de MS registra aumento de 147% Destaque

Escrito por
Setor de produção revela novos aspectos do crescimento no setor de geração de empregos Setor de produção revela novos aspectos do crescimento no setor de geração de empregos Divulgação/Fiems

Apesar da pandemia mundial do novo coronavírus (Covid-19), o setor industrial de Mato Grosso do Sul já registra aumento de 147% na geração de emprego formal no período de janeiro a outubro deste ano em comparação com o mesmo período de 2019, conforme aponta levantamento realizado pelo Radar Industrial da Fiems.

Nos primeiros 10 meses deste ano, as indústrias criaram 7.378 novas vagas de trabalho, enquanto de janeiro a outubro de 2019 foram 2.988. Dourados, com 1.546 novas oportunidades de emprego abertas, liderou a corrida no mercado nesse período, seguida por Três Lagoas, com 658 vagas abertas e Campo Grande, em terceiro lugar, com 655 empregos formais criados de janeiro a outubro.

Segundo o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems, Ezequiel Resende, somente em outubro, a indústria foi responsável pela abertura de 1.216 postos formais de trabalho em Mato Grosso do Sul, resultado de 5.849 contratações e 4.633 demissões. “Já no acumulado do ano são 7.378 vagas abertas pela indústria, resultado de 51.346 contratações e 43.968 demissões. Esse montante garante ao setor a condição de maior gerador de postos formais de trabalho no Estado até aqui”, analisou.

Ele explica que, dessa forma, o conjunto das atividades industriais em Mato Grosso do Sul encerrou outubro de 2020 com o total de 132.678 trabalhadores empregados, indicando, até aqui, um aumento de 5,89% em relação ao fechamento do ano anterior, quando o contingente ficou em 125.300 funcionários. “A atividade industrial responde por 19,6% de todo o emprego formal existente no Estado, ficando atrás dos setores de serviços, que emprega 196.979 trabalhadores e tem participação de 29,1%, e da administração pública, com 145.268 empregados ou 21,5%”, informou.

O economista completa que as atividades industriais que mais abriram vagas no mês de outubro foram fabricação de refrigeradores, construção, manutenção, reparação e instalação de máquinas e equipamentos e fabricação de calçados de material sintético. “Já as atividades industriais que mais abriram vagas no acumulado de janeiro a outubro foram abate de suínos, abate de aves, construção, fabricação de celulose, preparação de subprodutos do abate, abate de bovinos, fabricação de açúcar, fabricação de óleos vegetais e fabricação de etanol”, detalhou.

Ezequiel Resende revela que em 59 dos municípios que mais contrataram no período de janeiro a outubro, proporcionando a abertura de 7.900 vagas, com saldo positivo de pelo menos 150 vagas, destacam-se Dourados (+1.546), Três Lagoas (+658), Campo Grande (+655), São Gabriel do Oeste (+556), Sidrolândia (+535), Naviraí (+488), Caarapó (+253), Nova Andradina (+252), Itaquiraí (+250), Angélica (+219), Água Clara (+194), Brasilândia (+193) e Fátima do Sul (+190).

  • Douranews Anúncio
  • Editais

O Tempo Agora

  • fetems abigail

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis