Timber by EMSIEN-3 LTD
  • 10 anos
  • 10 anos1
Quarta, 05 Agosto 2020 09:21

Pesquisar é preciso: diferença de preços de alimentos varia até 34% entre estabelecimentos Destaque

Escrito por
Quilo do alho já chegou a R$ 28, agora continua registrando queda, mas ainda continua 'ardido' para o consumidor Quilo do alho já chegou a R$ 28, agora continua registrando queda, mas ainda continua 'ardido' para o consumidor Divulgação

Nova pesquisa de preços dos produtos da cesta básica de alimentos, realizada nesta terça-feira (4) pelas equipes do Procon (Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor), em visitas a 12 supermercados da cidade, mostrou uma diferença na cotação entre estabelecimento, do com menor para o de maior preço, da ordem de 34,7%.

“Isso só reforça, mais uma vez, o apelo que sempre fazemos para que, antes de formalizar as compras, o consumidor se mantenha atento aos preços praticados por diferentes estabelecimentos, além de observar especificações contidas na embalagem, como prazo de validade, composição e peso líquido do produto”, relata o diretor do Procon, Antônio Marcos Marques.

Em relação à pesquisa do mês de julho, o novo levantamento apurou queda de 0,62% no valor global dos produtos. Alguns apresentaram variação significativa de um estabelecimento para outro, como o quilo de sal (151,90%), a embalagem com 350ml do extrato de tomate (325,23%), o quilo da farinha de mandioca (122,41%), o alho em embalagens contendo 200g (187,90%) e o quilo da batata, que apresentou diferença de 100,50%.

CONFIRA OS PREÇOS

Foram encontrados 14 produtos com diferença superior a 100% entre os estabelecimentos com menor para o maior preço, como, por exemplo, sabão em pó, margarina, sabonete, erva mate tereré e a goiabada.

ENTREVISTA

O Tempo Agora

  • mascaras
  • unigran novo

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis