Timber by EMSIEN-3 LTD
  • cmd recess
Quinta, 28 Março 2019 10:09

Banco Central projeta expansão de crédito para 2019 Destaque

Escrito por Agência Brasil
Projeção do Banco Central está contida em Relatório de Inflação, divulgado em março Projeção do Banco Central está contida em Relatório de Inflação, divulgado em março Arquivo

O saldo do crédito concedido pelos bancos deve acelerar em 2019, segundo previsão do BC (Banco Central), conforme consta no Relatório de Inflação, divulgado trimestralmente. Para este ano, o BC projeção crescimento de 7,2%. A estimativa anterior, divulgada em dezembro, era de crescimento de 6%, neste ano.

Em 2018, o saldo do crédito cresceu 5,1%, após contração de 0,5% registrada em 2017.

“Esse processo [de aceleração do crédito] refletiu, principalmente, o recuo das taxas de juros, a redução dos indicadores de risco e a inadimplência em patamares baixos”, diz o BC, no relatório.

Para o BC, o saldo do crédito para as pessoas físicas deve crescer 9,7%, e 4,1% para as empresas. “Essa projeção fundamenta-se, sobretudo, na perspectiva de maior crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) em ambiente com inflação baixa e estável; na manutenção das taxas de juros em patamares baixos; na continuidade da evolução benigna da inadimplência; e no nível historicamente reduzido do comprometimento de renda das famílias com dívidas contraídas no SFN [Sistema Financeiro Nacional]”, destaca o banco.

Para o crédito livre (em que os bancos têm autonomia para emprestar o dinheiro captado no mercado e para definir as taxas de juros), a projeção de expansão é 12,5%, com aumentos de 13% e 12% para os saldos de empréstimos a pessoas físicas e jurídicas, respectivamente. “Deve-se destacar, no âmbito dos empréstimos às famílias, as expansões dos saldos nas modalidades de financiamento de veículos e de cartões de crédito. Relativamente às empresas, o financiamento bancário tende a seguir impulsionado pelos descontos de recebíveis e pela recuperação do capital de giro”, diz o BC.

A expectativa para o crédito direcionado (empréstimos com regras definidas pelo governo, destinados, basicamente, aos setores habitacional, rural e de infraestrutura) é 0,8% em 2019, com aumento de 6% para as pessoas físicas e redução de 6% para as empresas. “No primeiro caso, destaca-se a aceleração projetada do financiamento imobiliário. No que concerne ao crédito às empresas, espera-se um arrefecimento no ritmo de redução do estoque de crédito do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social", explica o BC.

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus