Timber by EMSIEN-3 LTD
Quarta, 09 Agosto 2017 16:38

Moka abre gabinete para produtores discutirem problemas da supersafra de milho Destaque

Escrito por
Senador Moka debate situação com produtores e representantes do Ministério da Agricultura Senador Moka debate situação com produtores e representantes do Ministério da Agricultura Divulgação/Assessoria/Luís Carlos Campos Sales

Mato Grosso do Sul enfrenta problema para armazenar a segunda safra de milho. De acordo com Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), o Estado colheu 9,8 milhões de toneladas do produto, o que preocupa o Governo federal por causa da capacidade de armazenamento, de apenas 8,5 milhões de toneladas de grãos.

Para reduzir o volume do milho armazenado, a Conab tem realizado, semanalmente, leilões para venda e escoamento do produto para fora do Estado. “No leilão, oferecemos prêmio para que o produto seja vendido para outros Estados, abrindo espaço para armazenar outros grãos”, afirma Nilson Azevedo, superintendente da Conab em Mato Grosso do Sul.

Segundo o senador Waldemir Moka (PMDB), que abriu o gabinete em Brasília para discutir a questão, a reunião teve o objetivo de levar ao Ministério da Agricultura a necessidade de aumentar a oferta de milho nos leilões. “Além do milho, há quase 3 milhões de toneladas de soja da safra passada para armazenar. A situação preocupa”, disse.

O secretário nacional de Política Agrícola, Neri Geller, garantiu que, com base na procura pelo milho safrinha nos leilões desta quarta-feira (9), em Mato Grosso do Sul, o Ministério da Agricultura vai aumentar a oferta do produto nas próximas semanas. “A ordem do ministro Blairo Maggi (Agricultura) é para que apresentamos soluções para Mato Grosso do Sul”, afirmou.

O diretor da Famasul (Federação da Agricultura em Mato Grosso do Sul), Luís Alberto Moraes, também presente à reunião, diz que a supersafra do milho safrinha tem gerado problemas aos produtores, como a queda no preço, além de encher os armazéns. “A oferta está grande e com isso surgem dois problemas: o preço cai e os armazéns seguem lotados”, explica.

O superintendente da Conab afirma que havia essa expectativa de supersafra em Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e outros Estados produtores de milho. “Essa era a preocupação, de a superprodução gerar alguns problemas, como a falta de espaço para armazenar e sobretudo pela queda nos preços”, reforçou.

  • mistura
  • Douranews Anúncio
  • excelencia

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus