Timber by EMSIEN-3 LTD
  • doaçao
  • Dnews Whats
Redação Douranews

Redação Douranews

Dando sequencia ao processo de implantação do Programa de Gestão Por Competência, a Coordenadoria de Gestão de Carreiras e Desempenho (Coged) vinculada a Secretaria de Administração e Desburocratização (SAD) esteve em Dourados nesta segunda-feira (5) com servidores da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).

O encontro reuniu cerca de 800 servidores do eixo social do qual fazem parte as Secretarias de Direitos Humanos Assistência Social e Trabalho, Educação, Saúde, Segurança e de habitação e vinculadas, para apresentação e orientações sobre o Programa de Gestão por Competências, que tem como foco principal o desenvolvimento dos servidores públicos através do aperfeiçoamento das habilidades e valores individuais.

Acompanhada do Secretario interino de Administração e Desburocratização Édio Viegas, a Coordenadora do Projeto de Gestão por Competencias, Ana Carina do Prado Ávila Versbisck definiu o programa como um projeto que estabelece o desenvolvimento e valorização das pessoas na gestão publica. “É um processo de gestão que além de aperfeiçoar a eficiência do serviço publico. Sendo bom para o servidor público, se torna uma politica de Estado e faz com que o Estado se desenvolva e se modernize” pontua Ana Carina.

O questionário estará disponível para os servidores que compreendem o eixo social, no endereço eletrônico www.meritocracia.ms.gov.br até dia 23 de setembro. Neste período é possível acessar quantas vezes for necessário até que seja concluído o questionário.

Comentário

O prazo de inscrições para o Prêmio MPT na Escola 2016, que premiará os melhores trabalhos literários, artísticos e culturais produzidos pelos alunos das escolas participantes do projeto em todo o Brasil, vence no dia 30 deste mês, informa a assessoria do Ministério Público do Trabalho.

O regulamento do concurso traz as regras para seleção e avaliação dos trabalhos, bem como o formulário de inscrição. A postagem dos trabalhos, em sua etapa regional, deve ser feita pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. Os vencedores receberão prêmios que totalizam R$ 240 mil - R$ 40 mil para cada categoria, divididos entre os cinco melhores trabalhos, com valores que variam conforme a colocação obtida.

O Prêmio MPT na Escola consiste em um conjunto de ações voltadas para debates, nas escolas de ensino fundamental, dos temas relativos aos direitos da criança e do adolescente, especialmente a erradicação do trabalho infantil e a proteção ao trabalhador adolescente.

Comentário

Terça, 06 Setembro 2016 08:59

Bancos amanhecem em greve em Dourados

As 25 agências bancárias de Dourados, envolvendo cerca de 390 trabalhadores da base local, amanheceram em greve nesta terça-feira (6). Estimativas do Sindicato dos Bancários, conforme assembleia geral realizada na noite desta segunda-feira (5), apontam que, pelo menos, 80% desse total deve aderir ao movimento. “Isso significa que as agencias devem funcionar apenas internamente com um efetivo de 20% uma vez que os terminais de auto-atendimentos e os serviços essenciais como, por exemplo, no setor de compensação, devem funcionar”, informa a entidade.

Na região que compreende a base sindical de Dourados são mais 12 cidades com mais 30 agências e 310 bancários e a expectativa é que a greve seja gradativa e crescente, por isso, se a Fenaban não fizer outra proposta em poucos dias a greve deve atingir as treze cidades da base sindical de Dourados, informa o secretário geral da entidade Edson Rigoni. Ele acrescenta ainda que em todas as agências haverá um representante do Sindicato que estará orientando a população e dando informações a respeito da greve.

Contra as perdas

A greve foi definida a partir de uma proposta rebaixada oferecida pelos bancos que propôs um reajuste que não repõe sequer a inflação de 6,5%, o que representa perda real de 2,8% (de acordo com a inflação de 9,57%). Além dos salários, esse reajuste rebaixado significaria, em um ano, uma perda de R$ 436,39 nos vales alimentação e refeição, se levada em conta a inflação projetada.

A greve, aprovada por tempo indeterminado, atinge funcionários de bancos públicos e privados que querem, além de reajuste para os salários, proteção aos empregos, o fim do assédio moral e das metas abusivas, além da sobrecarga de trabalho, de acordo com o Sindicato.

Comentário

Sentença proferida pelo Juízo da Segunda Vara Federal de Mato Grosso do Sul estabelece que a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) não poderá mais limitar o tempo adicional concedido aos candidatos com deficiência, nas provas nacionais do exame da Ordem. Atualmente, este período é limitado em uma hora. Conforme a decisão, o tempo adicional para realização das provas será concedido "aos que necessitarem por recomendação decorrente de orientação médica específica contida em laudo médico enviado pelo examinado". A decisão veda a limitação em uma hora do tempo adicional nos próximos editais do exame da OAB.

Para o MPF, o edital desrespeita a legislação que assegura a extensão de tempo para realização de provas para candidatos que tenha algum tipo de deficiência, conforme necessidade. Neste caso, parecer médico deve especificar o tempo adicional de prova. O pedido do MPF se baseou na Lei 7.853/89, que garante tratamento prioritário e apropriado para caso de candidatos deficientes. Além disso, o Decreto 3.286/99 prevê o tempo adicional necessário para a realização das provas, que deve ser fundado em parecer emitido por especialista da área da deficiência.

A decisão foi proferida em ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul em 2013 e ainda está sujeita a recurso, não produzindo efeitos imediatos, conforme a publicação da assessoria do órgão federal.

Comentário

A Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) está com inscrições abertas para o módulo “Preparatório para o Enem”, oferecido pelo Programa Centro de Formação UFGD, eixo Cursinho Pré-Vestibular.

As inscrições podem ser feitas das 7h às 11h e das 13h30 às 17h, na sala da Secretaria do Centro de Formação da UFGD (antiga Secretaria do Centro de Línguas), localizada na Unidade 1 (Rua João Rosa Góes, 1761, Vila Progresso).

O valor da inscrição é R$ 200,00 (via boleto) e o material didático será disponibilizado em versão digital (por e-mail e no portal eletrônico da UFGD) sem custo.

As vagas são limitadas e as aulas ocorrerão de 12 de setembro a 14 de outubro de 2016, no período noturno, das 19h às 22h20, na sala 401 da Unidade I da UFGD.

Ainda neste ano, o Cursinho realizará outro módulo, intitulado “Intensivão UFGD”, de 17 de outubro a 19 de novembro, para que seja encerrado às vésperas das provas do Vestibular da Universidade que serão realizadas em 20 de novembro.
 
CONTATO
3410-2890

Comentário

O abono salarial do PIS/Pasep do calendário 2016/2017, para os nascidos no mês de setembro, começa a ser pago a partir de 15 de setembro. Os saques poderão ser feitos nas agências da Caixa, do Banco do Brasil, de casas lotéricas ou, se estiverem com o cadastro em dia, os trabalhadores poderão receber em conta-corrente a partir de 16 de setembro, informou o Ministério do Trabalho. O PIS é o Programa de Integração Social e o Pasep é o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público.

No total, R$ 14,8 bilhões estão disponíveis dentro do novo calendário, ano-base 2015 e, segundo o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, o governo manterá o esforço para que todos os trabalhadores efetuem o saque, preferencialmente dentro do respectivo mês de pagamento. De acordo com o ministro, o abono é um direito do trabalhador e 22,3 milhões de pessoas deverão receber dentro do novo calendário. Neste ano, recebem o benefício os nascidos entre julho e dezembro. Já os trabalhadores nascidos entre janeiro e junho, receberão no primeiro trimestre de 2017. Em qualquer situação, o recurso ficará à disposição do trabalhador até 30 de junho de 2017, prazo final para o recebimento.

O cálculo do valor do abono salarial segue as novas regras definidas por lei. O pagamento será proporcional aos meses trabalhados durante o ano-base. Ou seja, quem trabalhou durante apenas um mês, receberá o equivalente a 1/12 do salário-mínimo, e assim sucessivamente. A fração igual ou superior a 15 dias de trabalho será contada como mês integral, destaca o Ministério do Trabalho.

Tem direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários-mínimos mensais, com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2015, e que tenham sido informados corretamente na Relação Anual de Informação Social (Rais). Do exercício 2015/2016, ano-base 2014, 990 mil trabalhadores ainda têm direito a saque. O prazo foi prorrogado até prazo até 30 de dezembro de 2016.

Comentário

DÉLIA RAZUK

8h30 - Visita a empresários na Cabeceira Alegre

9h30 - Reunião com profissionais da saúde

15h30 - Caminhada no Jardim Canaã III

À noite - Reunião com profissionais de Assistência Social

Reunião com os candidatos Juninho Rodrigues, Antonio Vieira e Londres

ÊNIO RIBEIRO

Não enviou

GERALDO RESENDE

7h - Apresenta propostas aos trabalhadores da Quimisul, acompanhado do vereador Toninho Cruz

7h30 – Apresenta propostas aos trabalhadores da Tornearia Modelo

8h - Apresenta propostas aos trabalhadores da Mercerol Auto Peças

8h30 - Apresenta propostas aos trabalhadores da Auto Flex Veículos

11h30 - Apresenta propostas no Rotary Clube Água Boa

14h – Gravação para o programa eleitoral

17h - Apresenta propostas aos trabalhadores da Retífica Brás Soldas

19h – Reunião com os eleitores do Residencial Campo Dourado

RENATO CÂMARA

8h – Gravação para o programa eleitoral

12h - Entrevista à RIT

15h - Caminhada no bairro Terra Roxa

À noite - Reuniões nos bairros

WANDERLEI CARNEIRO

19h - Reunião com a candidata Virgínia Magrini, no Jardim Guanabara

20h - Reunião no Comitê Casa dos Partidos, com os candidatos à vereadores da Coligação Dourados levada a Sério, na Vila Rosa

Dois traficantes foram presos em flagrante e cerca de 600 quilos de maconha que transportavam apreendidos, ontem, em barreira de fiscalização do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), na BR-463, em Dourados.

Conforme o Dourados News, Roni Almeida de Lima, 19 anos e Fabrycio Brito, 21, faziam o transporte da droga em automóvel CRV. Ambos confessaram envolvimento no crime. Disseram que pagaram pelo quilo da maconha R$ 80, em Ponta Porã. A polícia não divulgou para onde a carga seria levada.

Comentário

Sustentado por produtores rurais, o Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviários do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundersul) não se limita mais a seu propósito inicial: melhorar as condições das estradas e, assim, dinamizar o escoamento da produção agropecuária. Com alterações aprovadas pela Assembleia Legislativa, os recursos do Fundo serão usados, a partir de agora, para finalidades diversas, como drenagem e outros serviços complementares. O texto segue agora para sanção do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). Produtores rurais que não foram consultados desaprovam as mudanças. Só neste ano, o governo arrecadou R$ 348,45 milhões com o Fundersul.

O novo texto prevê que os valores arrecadados pelo Fundersul podem a partir de agora ser usados também para “projetos, construção, manutenção, recuperação, melhoramento asfáltico de rodovias estaduais e de vias públicas urbanas, inclusive drenagem, bueiros, pontes, obras e serviços complementares”. Até então os recursos só poderiam ser usados em obras nas estradas rurais, vicinais e em vias públicas urbanas, porém com a mudança as estradas estaduais também poderão ser beneficiadas.

 

Comentário

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) embarca para Brasília nesta terça-feira (6) para se reunir com o ministro da Justiça e Cidadania Alexandre de Moraes, em mais uma tentativa de conseguir apoio federal para questões de segurança pública em Mato Grosso do Sul. Segundo o governador, os principais assuntos a serem tratados no ministério são a manutenção do sistema prisional de Mato Grosso do Sul e a proteção das fronteiras secas do Estado com a Bolívia e o Paraguai.

Os assuntos são pertinentes e vêm sendo discutidos pelo governo desde o início de 2015, disse Reinaldo. “Atualmente, Mato Grosso do Sul é um dos estados que mais apreende drogas no País, o que contribui para o crescimento do número de pessoas no sistema prisional”, afirmou. O governador lembrou que a maior parte das prisões no Estado é feita pelo tráfico internacional de drogas. “Nisso tem uma responsabilidade da União”, decretou.

Dados da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) revelam que mais de 40% dos presos em Mato Grosso do Sul foram condenados por tráfico de drogas. Dos 15.600 detentos do Estado, 6.100 cometeram crime do narcotráfico – a maioria internacional. Juntos, os presos custam mais de R$ 126 milhões por ano aos cofres estaduais. “São presos que a União deveria custear”, disse, lamentando que o Estado seja obrigado a assumir uma responsabilidade que deveria ser da União. “Teríamos que construir um presídio ou mais por ano para aportar esse número de presos”, estimou.

Se as conversas com o Ministério da Justiça e Cidadania não avançarem serão tomadas medidas judiciais pelo Governo do Estado contra a União, garantiu o governador. “Nós vamos conversar e queremos uma solução. Se não tivermos uma solução, vamos ingressar judicialmente contra o Governo Federal”, anunciou. Ele ainda lembrou que o assunto ficou parado por meses em Brasília devido a transição. “O ministro tinha pedido um tempo e acho que nós já demos o tempo necessário, a paciência tem um fim”, decretou.

Comentário

Página 953 de 1087
  • Unimed 38

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus