Timber by EMSIEN-3 LTD
  • cmd recess
Redação Douranews

Redação Douranews

A prefeita de Dourados Délia Razuk (PL) sancionou a Lei 4.281, que institui a ‘Semana do Lixo Zero’, de autoria do vereador Toninho Cruz (PSB). Fica instituída a Semana Municipal do Lixo Zero a ser comemorada, anualmente, no mês de outubro, diz treco da lei.

De acordo com o vereador Toninho Cruz, durante a Semana devem ser desenvolvidos e discutidos temas com o intuito de propor soluções para redução, reutilização, reciclagem, compostagem e não geração de resíduos em geral, promovendo ações educativas e de conscientização.

“Serão realizadas palestras, fóruns, seminários e eventos em geral sobre a temática, bem como ações coletivas de limpeza em espaços públicos do município”, destacou Toninho Cruz.

Um dos objetivos do projeto é proporcionar ambientes para discussão e conscientização sobre a gestão dos resíduos sólidos, envolvendo a sociedade, o Poder Público, a iniciativa privada e a população em geral.

Durante a Semana do Lixo Zero, serão realizados encontros em geral com intuito ainda de promover produção científica e acadêmica e fomentar a economia solidária e a inclusão social. (Da assessoria)

Comentário

Quem se desafia diariamente no mundo corporativo para alcançar novas oportunidades, precisa estar pronto para assumir as responsabilidades e habilidades que uma promoção requer. Os valores que as empresas procuram e como o colaborador pode construir uma carreira que amplie as possibilidades de ascensão serão apresentados na palestra “Você está preparado para o Crescimento Profissional?”, tema do Despertar para o Trabalho da Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados) nesta quarta-feira (17) no auditório da entidade.

No encontro, a instrutora do Senac, Serrame Borges, vai colaborar para que os participantes identifiquem se estão almejando esse crescimento através de atitudes que os preparem para isso ou contentes atuando por longo período na mesma função. Além disso, vai mostrar como a busca pela qualificação profissional e novos conhecimentos podem contribuir para deixa-los mais seguros e confiantes em aceitar os riscos de uma promoção.

O evento começa às 7 horas e encerra às 8 com café da manhã. É aberto ao público, mas participantes de empresas associadas concorrem a prêmios. O Despertar para o Trabalho é um programa da Aced voltado aos colaboradores das empresas associadas, com palestras mensais sempre com temas motivacionais e que contribuem para incentivar o melhor desempenho das equipes. Gestores também são convidados a participar.

Comentário

“Poupatempo faz a população ganhar tempo”, diz Barbosinha em inauguração de espaço para atendimento ao público em Dourados

O deputado Barbosinha (DEM-MS), líder do Governo na Assembleia Legislativa e representando os parlamentares da Casa de Leis sul-mato-grossense, participou, nesta segunda-feira (15), em Dourados, da inauguração do Poupatempo, órgão de atendimento ao público implantado no espaço do antigo CSU (Centro Social Urbano) no Jardim Água Boa. Parte do prédio foi recuperado sem a necessidade de alugar imóveis de terceiros.

O espaço reúne, em um só local de maneira centralizada e rápida, o atendimento para os principais serviços da administração municipal, empresas, organizações, fundações com a finalidade de proporcionar agilidade para atender ao cidadão douradense.

“O Poupatempo faz a população ganhar tempo”, avaliou o deputado Barbosinha. O parlamentar disse que as pessoas têm vivido sob a égide do tempo e ter a agilidade presente nos afazeres do cotidiano é imprescindível para contribuir com a qualidade de vida das pessoas.

O espaço, na avaliação do parlamentar, vem ao encontro da cidadania, objetivando a economia e agilidade no atendimento eficaz do cidadão de Dourados. “Não há coisa que mais tortura o cidadão do que a peregrinação de ter quer ir a vários locais para resolver problemas e situações do dia a dia. O cidadão, às vezes, tem que andar muito, perder até o dia de trabalho e não consegue findar suas demandas”, ilustrou o deputado.

Barbosinha parabenizou a atual administração municipal pela iniciativa. “A prefeita Délia abraça a vontade popular disponibilizando este espaço para a sociedade e harmoniza essas parcerias ao alcance de todos. É uma forma moderna de administrar nossa Dourados”, elogiou o deputado. Os presidentes das Câmara de Dourados, Alan Guedes e da Sanesul, Waltinho Carneiro, também participaram da solenidade.

Barbosinha agradeceu a parceria estabelecida durante seu mandato com os vereadores da cidade. “Temos tido na Câmara Municipal todo respaldo para receber os anseios dos douradenses e as áreas que precisam de investimentos. Eles são o anteparo do nosso trabalho legislativo no atendimento das demandas e anseios da nossa gente”, contou. O deputado aproveitou para ressaltar a importância da atuação da Justiça do Trabalho e do Ministério Público no município, que têm colaborado em diversas áreas do desenvolvimento.

O Poupatempo tem como público-alvo cidadãos de Dourados e dos municípios que compõem a Grande Dourados. A meta de atendimento, somando todos os parceiros, é de 3 mil pessoas ao mês, conforme estimativas da Prefeitura.

Comentário

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, anunciou nesta segunda-feira (15), em uma entrevista coletiva concedida em Brasília, que o governo federal e o MPF (Ministério Público Federal) fecharam acordo que prevê a instalação de mil radares de controle de velocidade em rodovias não concedidas à iniciativa privada.

Freitas não deu detalhes sobre o teor do acordo, mas informou que o acerto firmado com o MPF – que reduziu de 8 mil para 2.200 o número de faixas a serem fiscalizadas nessas estradas – deve gerar uma economia correspondente a cerca de R$ 600 milhões ao Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), autarquia vinculada ao Ministério da Infraestrutura.

A instalação dos novos aparelhos, suspensa em abril pelo governo federal, ocorreria nas rodovias administradas pelo Dnit e cobriria 8 mil pontos nos próximos cinco anos. Embora governo e Ministério Público tenham entrado em acordo em torno da instalação dos pardais, a Justiça Federal ainda tem que homologar os termos do acerto.

Em abril, a juíza Diana Wanderlei, da 5ª Vara Federal em Brasília, determinou que a União não retirasse radares eletrônicos e renovasse contratos prestes a vencer com concessionárias que fornecem radares de controle de velocidade. Na ocasião, a magistrada impôs multa diária de R$ 50 mil em caso de descumprimento da decisão por parte do Executivo federal, observa
reportagem do portal G1.

Comentário

Entre janeiro e junho deste ano o volume de exportação da carne bovina registrou aumento de 60% em relação ao mesmo período de 2018. Segundo a Unidade Técnica da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS), a razão disso se deve ao cenário promissor que gera expectativas no setor. Este é o tema especial do Mercado Agropecuário desta segunda-feira (15), que comemora o Dia Nacional do Pecuarista.

A analista técnica da instituição, Eliamar Oliveira, afirma que o consumo interno ainda pode aumentar devido a projeção otimista para o segundo semestre deste ano. “O mercado externo, por sua vez, registra um desempenho positivo concreto e ascendente. O volume comercializado entre janeiro e junho de 2019 foi o maior para o período”, afirma.

Segundo o MDIC (Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços), no ano passado o valor de exportação foi de US$ 229,9 milhões no primeiro semestre. Este ano o número já atingiu US$ 315,5 milhões até o mês de junho. Foram mais de 87 mil toneladas destinadas para outros países.

Contudo, Oliveira reforça que o produtor deve se atentar na gestão da propriedade. Informações do CEPEA (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada) mostram que ao longo dos últimos 12 meses o COE (Custo Operacional Efetivo) no sistema de recria e engorda registrou um aumento de 63,4% em Mato Grosso do Sul. “O ganho no valor da arroba pode ser eliminado se o controle do custo de produção não for eficiente”, finaliza.

Comentário

A Cooperativa de Trabalho Médico Unimed de Dourados recebeu a certificação internacional ISO 9001:2015, uma conquista que demonstra o compromisso da Unimed Dourados com a melhoria contínua e desempenho de negócios sustentáveis, assegurando uma melhor experiência e satisfação para os clientes, cooperados, prestadores de serviços, colaboradores e fornecedores.

A sigla "ISO" é originada da palavra isonomia, sinônimo de igualdade, cujo objetivo é a padronização do gerenciamento do sistema de gestão da qualidade visando a sua unificação de forma universal, ou seja, é uma norma padronizada de aplicação internacional.

A norma aplicada no Brasil é a ABNT NBR ISO 9001:2015 da família ISO 9000, cuja função é a de promover a normatização de produtos e serviços para que a qualidade seja permanentemente melhorada, ou seja, padronização de processos e busca pela melhoria contínua.

A ISO 9001 possui requisitos genéricos que são aplicáveis a todas as organizações, independentemente do tipo, tamanho e do produto ou serviço que provê, portanto, qualquer empresa, desde que cumprido os requisitos da norma, pode ser certificada.

“Queremos agradecer a todos os colaboradores por esta conquista, sem dúvida um fruto da cooperação de todos, a ISO 9001:2015 simboliza nossa busca incessante pela excelência em nossa cooperativa”, destacou o médico Jamal Haddad, diretor-presidente da Unimed Dourados.

Dando sequência a este posicionamento de melhoria contínua, o próximo passo é a busca pela certificação RN 277 da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar). A previsão desta futura certificação é para o início do segundo semestre deste ano.

Comentário

Jaime de Oliveira Cruz, tabelião substituto do Cartório do Serviço Notarial e de Registro Civil do distrito de Panambi, morreu nesta segunda-feira (15) em Dourados. Ele teve uma parada cardíaca depois de passar o final de semana bem, junto de familiares. Pela manhã, quando se preparava para o trabalho, sentiu-se mal e morreu em casa. Ele era irmão do professor Angelo Alves de Oliveira.

Jaime morreu por volta das 7 horas da manhã desta segunda-feira na casa onde morava, no BNH 4º Plano, em Dourados, com a esposa Eunice e os filhos Ecarlos e Gisele. Jaime do Cartório, como era mais conhecido, tinha 64 anos de idade, dos quais mais de 40 trabalhando no cartório de Panambi. O corpo funeral acontece no complexo Pax Primavera, na rua Hilda Bergo Duarte.

Comentário

Ao inaugurar, na manhã desta segunda-feira (15), o Poupatempo, a prefeita de Dourados Délia Razuk afirmou que o órgão implantado no antigo CSU (Centro Social Urbano) no Jardim Água Boa representa o resgate da cidadania, colocando num só lugar o atendimento de vários serviços públicos.

Délia lembrou que ao assumir a Prefeitura não prometeu grandes obras, se comprometeu a valorizar as pessoas, e o Poupatempo representa o respeito com o cidadão. “Precisamos valorizar o que temos”, disse a prefeita, que pretende recuperar todos os prédios e bens públicos.

Com o Poupatempo, a prefeita recuperou parte do prédio do antigo CSU sem a necessidade de alugar imóveis de terceiros. Em seu discurso, Délia anunciou que vai fazer esforços para a reforma total do Pavilhão de Eventos Mauro Rigotti, que fica no espaço do CSU.

O Poupatempo vai descentralizar e tornar mais rápido os atendimentos à população de serviços públicos oferecidos pelas concessionárias de água e luz, além de atendimentos da Defensoria Pública, Procon e demais serviços da Prefeitura de Dourados.

No mesmo local, segundo a prefeita, estarão atendendo as agências municipais de Habitação e de Trânsito, o Procon, o serviço de IPTU, além da emissão de carteira de identidade e de carteira de trabalho.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Rose Ane Vieira, afirmou que a ideia do Poupatempo, sugerida pelo vereador Braz Melo, teve o apoio imediato da prefeita, que possibilitou as condições para a implantação do órgão.

O vereador Maurício Lemes disse que “este é mais um sonho realizado e vamos lutar para que outros Poupatempo sejam abertos nas regiões do Parque das Nações, Grande Flórida e Canaã I, para levar os serviços públicos à população”.

Participaram da solenidade o presidente da Câmara Alan Guedes, o presidente da Sanesul, Waltinho Carneiro, o deputado estadual José Carlos Barbosa, vereadores, secretários municipais e representantes do Procon, Defensoria Pública, do Ministério Público e de entidades representativas da sociedade.

O Poupatempo é um projeto criado orginalmente em 1996 pelo então governador do Estado de São Paulo, Mário Covas, e devido ao sucesso e importância na descentralização dos serviços públicos foi adotado pela Prefeitura de Dourados e várias outras cidades do País.

Comentário

O vereador Madson Valente (DEM) manifestou preocupação com os cortes de orçamento realizado pelo Governo Federal e que atingiram diretamente Dourados. Somente o Aeroporto Francisco de Matos Pereira perdeu R$ 30 milhões em recursos, frustrando todas às expectativas da população e, com isso, dificultando a consolidação do município como polo de desenvolvimento, sendo que o parlamentar considera que a estruturação é estratégica para a região.

"Estou convicto da necessidade de uma reação empresarial e também da classe política local para chamar a atenção, principalmente, da bancada federal de nosso estado, para que intervenham junto ao Ministério do Planejamento para que diminuam os cortes orçamentários destinados para Dourados”, ressaltou Madson.

“Acredito que não podemos aceitar que tamanho impacto seja imposto sobre nosso município, somos um referencial em produção, crescimento econômico e sabemos da nossa importância para contribuir com o Brasil, principalmente neste cenário de dificuldades, por qual estamos submetidos. Nossa vocação de desenvolvimento econômico precisa ser induzida, por isso entendo que estes cortes deveriam ter sido mais bem analisados pela equipe econômica, portanto urgentemente nossa bancada federal, através do seu coordenador, senador Nelsinho Trad (PTB), deve se unir por Dourados", completou o vereador.

Madson destacou que a Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados), através de sua diretoria, vem se manifestando e que está recebendo inúmeras reclamações de todos aqueles que enxergam o prejuízo social e econômico para Dourados. Por isso, entende que a “classe empresarial faça um chamamento público para esta importante pauta, para que venhamos abraçar esta causa”, convocou o vereador. (Da assessoria)

Comentário

A Receita Federal começa a pagar, nesta segunda-feira (15), o 2º lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2019, e também, as restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018. Serão depositados R$ 5 bilhões para 3.164.229 contribuintes. Desse total, R$2.362.514.597,42 referem-se a restituição de 15.489 contribuintes idosos acima de 80 anos, 197.895 contribuintes entre 60 e 79 anos, 24.793 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e 1.251.906 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Para saber se teve a declaração liberada, é preciso acessar o site da Receita Federal, ou ligar para o Receitafone, no número146. A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF. A restituição ficará disponível no banco durante um ano.

O dinheiro será depositado nas contas informadas na declaração. O contribuinte que não receber a restituição deverá ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para ter acesso ao pagamento.

Comentário

Página 8 de 1376

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus