Timber by EMSIEN-3 LTD
Sexta, 31 Dezembro 2010 06:52

Mesmo com dificuldades Dourados fecha o ano com ações prioritárias

Escrito por Redação Douranews, com Assessoria

Mesmo considerado como um ano bastante difícil, a prefeitura de Dourados consegue fechar o ano com várias ações de prioridade que estão colocando novamente a cidade nos trilhos. A prefeita Délia Razuk, em pouco mais de dois meses à frente do Executivo Municipal, interinamente, estabeleceu metas fundamentais para a cidade e grande parte delas pode concretizar.

Uma dessas metas era a transferência do Hospital da Mulher para o Hospital Universitário (HU), que se concretiza nesta sexta-feira (31), a partir das 19h. Ainda na saúde, a intensificação do combate à dengue, envolvendo não só os setores da prefeitura como diversos outros segmentos, incluindo o Exército Brasileiro. Ações nesse sentido provocaram redução significativa nos casos da doença.

Além disso, a saúde básica também estava entra as metas estabelecidas e a prefeita conseguiu entregar parte dos postos que estavam em reforma, melhorando o atendimento ao usuário da saúde pública. Nos distritos a prefeita entregou veículos para facilitar o acesso dos agentes de saúde a locais mais distantes, como fazendas e outras propriedades rurais.

Na habitação a prefeita assinou convênio em Campo Grande, junto à Caixa Econômica Federal, para construção de mais residências no residencial Dioclécio Artuzi, localizado na via de acesso ao Distrito Industrial. São 227 unidades neste local e mais 48 no Residencial Arezzo, que será implantado no Parque do Lago. No total são R$ 13 milhões em investimentos na área habitacional.

A prefeita se preocupou também a Educação e já preparou o setor para início do próximo ano letivo, através de licitações para garantir que as aulas não comecem de forma deficitária. Délia Razuk, que em diversas ocasiões se mostrou indignada com a falta de merenda em algumas escolas e Centros de Educação Infantil, garantiu que tudo foi feito para que esse problema não se repita.

Outra preocupação da prefeita era com o funcionalismo. Mesmo com todas as dificuldades e com o fato da administração anterior não ter feito o caixa para garantir o pagamento do 13º salário, Délia priorizou essa folha extra e conseguiu cumprir antes do Natal. Meta também cumprida foi o PCCR (Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração), que a partir de 1º de janeiro vai corrigir distorções salariais de cerca de 1.500 servidores municipais.

Várias outras ações foram colocadas em prática nesse pequeno período pela atual administração, entre elas a retomada a operação tapa-buracos. Assinatura de ordem de serviço para a construção do UPA (Unidade de Pronto Atendimento) e, ainda, a reabertura da Praça Antonio João, um sonho de todos os moradores de Dourados, que se transformou em um presente neste Natal.

Para a prefeita, foram ações aparentemente simples, mas que dependiam apenas da iniciativa do pode público, usando a criatividade e principalmente a seriedade. “Nós temos a certeza que conseguimos tirar a cidade da situação crítica em que estava, colocando-a novamente no caminho natural, e, com isso cumprimos a responsabilidade que nos foi dada por força de Lei. Agora é seguir em frente”, enfatizou a prefeita.

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus