Timber by EMSIEN-3 LTD
Terça, 26 Outubro 2010 16:35

UFGD é a primeira do país a sediar Mestrado da Fiocruz

Escrito por Redação Douranews com Assessoria
A Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) será a primeira universidade brasileira a sediar um Mestrado Profissional da FIOCRUZ com participação internacional, e também a única universidade das regiões Sul e Centro-Oeste do Brasil onde a FIOCRUZ oferece curso voltado para profissionais que trabalham em cidades próximas a fronteiras nacionais.

Será com a primeira turma do Mestrado Profissional de Vigilância em Saúde nas Fronteiras do Brasil que iniciaram as aulas em Dourados, com o objetivo de oferecer aos gestores e profissionais da saúde uma formação para que desempenhem atividades de pesquisa e desenvolvimento tecnológico no combate a epidemias de doenças nas fronteiras do Brasil com o Paraguai, Argentina, Uruguai e Bolívia.
As aulas têm financiamento da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde. Neste projeto, a UFGD é parceira da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, ligada à Fundação Osvaldo Cruz (ENSP/FIOCRUZ).  
Amanhã, dia 27 de outubro, haverá a solenidade de lançamento do curso com a presença de membros do Ministério da Saúde, da ENSP/FIOCRUZ, da UFGD e da Secretaria Municipal de Saúde. O evento acontece às 18h30, no cine-auditório da universidade (Unidade 1) e será aberto à comunidade.
Compromisso com a capacitação
Um dos compromissos da UFGD com o desenvolvimento regional passa pela contribuição na melhoria do atendimento em saúde da Grande Dourados e do Mato Grosso do Sul.
Pensando nisso, o Hospital Universitário (HU/UFGD) e a Faculdade de Ciências da Saúde (FCS/UFGD) buscaram esta parceria com a FIOCRUZ, para oferecer um curso de mestrado aos profissionais que já atuam na área de vigilância em saúde.
Na opinião do pesquisador e professor Julio Croda, da FCS, a realização do mestrado da FIOCRUZ em Dourados representa uma inserção importante da UFGD no cenário nacional no que diz respeito à formação qualificada em nível de pós-graduação na área de Saúde.
"Atualmente, a Faculdade de Ciências da Saúde já conta com um mestrado acadêmico na área de Ciências da Saúde. E com o mestrado profissional da FIOCRUZ, em Vigilância em Saúde nas Fronteiras, estaremos ofertando para o ano de 2011, 40 vagas em nível de mestrado. Com a futura instalação da FIOCRUZ no estado do Mato Grosso do Sul, estamos procurando estabelecer parcerias para o desenvolvimento da pesquisa em na área de saúde na região da Grande Dourados. O objetivo maior é que nos próximos 3 anos, possamos ofertar o primeiro curso de Doutorado na área de Saúde da região", declara o professor Julio Croda.
Saúde nas fronteiras
As vagas do mestrado da FIOCRUZ são destinadas a profissionais que já têm graduação e que atuam na área de vigilância em saúde na Secretaria de Estado de Saúde do Mato Grosso do Sul e nas regionais de saúde, nas Secretarias Municipais de Saúde, na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no Hospital Universitário da UFGD e no Ministério de Saúde Pública e Bem-Estar Social do Paraguai.
Espera-se que, ao final do curso, essa turma de mestres venha a elaborar propostas consistentes e que contribuam para a construção de um sólido sistema de vigilância em saúde nos estados e municípios localizados nas faixas de fronteira do Brasil, além de possibilitar intenso intercâmbio científico e cultural entre as Instituições de saúde dessas quatro nações irmãs.

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus