Timber by EMSIEN-3 LTD
  • futuro
  • Dnews Whats
Terça, 19 Janeiro 2021 14:16

Câmara de Dourados monitora início de campanha contra Covid-19 e cobra mais vacinas Destaque

Escrito por
Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende observa aplicação da primeira dose em Dourados Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende observa aplicação da primeira dose em Dourados Reprodução/Redes sociais

A Câmara de Dourados acompanha, nesta terça-feira (19), a abertura simbólica da campanha de vacinação contra a Covid-19 no município, com a presença de vários representantes da Casa no ato que foi realizado no final da manhã com profissionais da linha de frente ao tratamento da doença, na unidade básica de saúde da Vila Índio.

O Poder Legislativo, atento a esse momento histórico e esperado por todos, criou uma Frente Parlamentar com o objetivo de coletar informações sobre o Plano Municipal de Imunização e verificar se o público-alvo da primeira fase de imunização está sendo alcançado. Vários vereadores prestigiaram o ato simbólico pela manhã, que contou com a presença, também, do secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende e autoridades locais.

Uma das prioridades nesta primeira etapa de vacinação contra a Covid-19 será as aldeias Jaguapiru e Bororó. Dourados concentra uma das maiores populações indígenas do Brasil e a previsão é que 14,5 mil pessoas recebam a primeira dose a partir desta semana, e após 28 dias, a segunda.

De acordo com o Ministério Público e a Secretaria estadual de Saúde, a orientação é que indígenas com mais de 18 anos, profissionais de saúde e idosos que moram em casas de repousos sejam vacinados. Nesta quarta (20) a Secretaria municipal de Saúde dá início ao planejamento definido, sendo que nas aldeias em Dourados o DSEI (Distrito Sanitário Especial Indígena) ficará responsável pela logística e aplicação das doses iniciais.

Outra preocupação da Câmara e, consequentemente da Frente, é verificar a logística da campanha de imunização contra a doença, que no maior município do interior de Mato Grosso do Sul já infectou mais de 16 mil pessoas e matou 200.

A vereadora e presidente da Frente Parlamentar Daniela Hall (PSD) ressalta que a quantidade de doses enviadas para o município é insuficiente para a primeira etapa da campanha, mas reitera que deputados federais e senadores já foram oficializados, e que, o segundo lote de vacinas depende da chegada de insumos da China ao Instituto Butantã.

“Estamos acompanhando de perto esse momento, fiscalizando. Vamos conscientizar o público-alvo para que tome a vacina, até porque nesse primeiro momento, ela não é obrigatória, mas se faz importante e necessária. Sabemos que Dourados precisa de mais doses, já estamos trabalhando para isso, porém dependemos também do Instituto Butantã para o envasamento de mais vacinas”, pontuou a parlamentar.

Frente Parlamentar

A Frente Parlamentar é formada pelos vereadores Daniela Hall (PSD), Fabio Luiz (Republicanos), Daniel Junior (Patriotas), Lia Nogueira (PP), Laudir Munaretto (MDB), Mauricio Lemes (PSB), e o médico e vereador Diogo Castilho (DEM).
Legenda: Doses da Coronavac chegaram na manhã desta terça-feira (19) em Dourados

Última modificação em Terça, 19 Janeiro 2021 14:25

O Tempo Agora

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

google-site-verification=JCBZiaUdGxZgtTnDymeR8S6dTexoochsEftWECURSIQ