Timber by EMSIEN-3 LTD
Quarta, 21 Agosto 2019 12:22

Denúncia pede investigação de mais três vereadores, agora em esquema de casas Destaque

Escrito por
Sede do Ministério Público Estadual em Dourados, onde tramitam ações contra políticos Sede do Ministério Público Estadual em Dourados, onde tramitam ações contra políticos Reprodução

Uma denúncia que foi divulgada no final da manhã desta quarta-feira (21), na rádio FMCidade 101, informa que os vereadores Romualdo Ramim (PDT), Cido Medeiros (DEM) e Cirilo Ramão (MDB) deverão ser alvos de investigação em inquérito do MPE (Ministério Público Estadual) que apura favorecimentos e tráfico de influências junto a servidores do Município para se beneficiarem de casas do programa habitacional da Prefeitura de Dourados.

De acordo com a informação, os três vereadores teriam contado com a participação direta de servidores que ocupam cargos de comissão na administração pública, ligados ao departamento de habitação, para se beneficiarem com unidades e distribuição de casas, fora da fila dos sorteios, aos eleitores. O pedido de abertura de Comissão Processante contra eles já teria sido protocolado na Câmara.

Dos três citados na mira do MPE, o vereador Cirilo acaba de retornar às funções depois de ter sido afastado em dezembro do ano passado, quando foi preso sob suspeita de integrar esquema de corrupção, com o recebimento de propinas, na operação ‘Cifra Negra’ desencadeada pela Promotoria junto ao Legislativo e que também prendeu Pedro Pepa (DEM) e Idenor Machado (PSDB), outros investigados. Pepa também reassumiu o cargo, junto com Cirilo, nesta semana, depois que todos foram absolvidos pelo Plenário da Câmara. Idenor permanece afastado judicialmente.

  • unimed nova

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus