Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

A presença da ministra da Agricultura, Tereza Cristina (DEM-MS), confirmou a vinda de mais um prefeito pa-ra o Democratas de Mato Grosso do Sul. A filiação do novo integrante da legenda, o prefeito de Angélica Roberto Cavalcanti, aconteceu sob o olhar do deputa-do estadual Barbosinha (DEM-MS), no gabinete do parlamentar na Assembleia Legislativa. Com esta filia-ção o partido soma 13 prefeitos no Estado até o mo-mento.

O projeto do Democratas está cada vem mais consoli-dado, na avaliação da ministra Tereza Cristina, com representações nacional – em três Ministérios (Casa Civil, Saúde e Agricultura) do Governo de Jair Bolsona-ro; na presidência do Senado e Câmara federal; no Executivo estadual com o vice-governador, Murilo Zauith; e na Assembleia Legislativa através dos depu-tados estaduais Zé Teixeira e Barbosinha, que ocupa ainda a liderança do Governo na Casa de Leis.

“Fico feliz com a construção que temos feito no DEM de MS, em ter nos nossos quadros bons prefeitos in-gressando nesse partido que têm feito total diferença e bem administrado suas cidades. Estamos construin-do um Democratas mais forte e tenho cada vez mais orgulho em estar neste partido que vem dando sua contribuição não só pra Mato Grosso do Sul, mas para o nosso país. Estamos solidificando o partido e pen-sando nas boas representações para as próximas elei-ções, sim”, disse a ministra ao falar do projeto parti-dário para conquistar o maior número de prefeitura em 2020 e ainda que possibilite o partido a lançar candidatura própria ao Governo do Estado em 2022.

Convidado pelo deputado Barbosinha e pela ministra Tereza Cristina para integrar as fileiras democratas, o prefeito de Angélica, Roberto Cavalcanti, fez um dis-curso emocionado. “Fui recebido de portas abertas e tive respaldo dos nossos vereadores, no município, pa-ra chegar ao DEM. Vamos agregar vários companhei-ros quando as ‘janelas’ forem abertas e fazer com que Angélica apareça no cenário como um município que tem boa administração, feita com apoio total deste grande partido que temos na Nação”, falou o prefeito.

As alianças bem construídas farão diferença nas pró-ximas eleições, no conceito do deputado Barbosinha. “Estamos construindo a ‘musculatura’ e força necessá-ria para 2022, mas isso deve acontecer chegando forte em 2019. O DEM é um partido que está de portas abertas para receber aqueles que ideologicamente se identificam com nossos ideais. Todo partido que quei-ra se fazer forte precisa estar aberto a receber novas lideranças, como estamos fazendo”, relatou o demo-crata.

Barbosinha não deixou de citar sua intenção e a pré-candidatura para concorrer ao cargo de prefeito de Dourados. “Para o nosso partido Dourados é uma ci-dade muito importante, a maior do interior do Estado e ter um candidato do Democratas por lá tem se mos-trado um projeto muito forte que consolidaria a força e expressividade do partido. Estou, nesse momento, colocando meu nome à disposição do partido e isso não significa que serei o candidato. Na minha avalia-ção, o partido não abrirá mão é de ter uma candidatu-ra própria forte, com a devida representatividade na nossa cidade. Temos todo esforço do DEM, inclusive da Executiva nacional, em eleger o próximo prefeito de Dourados”, revelou o deputado.

A intenção do partido em recuperar a representativi-dade política de Dourados e região com a eleição de senador, deputado federal e do prefeito da cidade pe-lo Democratas foi revelada por Barbosinha durante o ato de filiação. “Perdemos ao longo dos anos a repre-sentação política da nossa região no cenário federal e nacional, mas queremos recuperá-la”, defendeu ao lembrar que atualmente apenas o cenário estadual possui representação com participação de políticos do munícipio, mas que as demais esferas têm deixado a desejar.

Alcinópolis, Angélica, Antônio João, Bandeirantes, Ba-tayporã, Caracol, Deodápolis, Naviraí, Paraíso das Águas, Pedro Gomes, Ribas do Rio Pardo, Sonora e Te-renos são os municípios onde o ‘time’ Democratas comanda o processo administrativo em Mato Grosso do Sul, por enquanto.

Comentário

Uma ação social envolvendo cerca de 20 pessoas, de instituições religiosas, com a participação da comunidade que contribui doando alimentos, como pães, salsichas, pipoca, sucos, brinquedos (novos ou usados) que são distribuídos nas visitas feitas junto à comunidade carente, integra o projeto PAARS (Alcançando Almas e Reconstruindo Sonhos), por iniciativa do Ministério Chrystian Duartte, que tem a missão de alcançar pessoas carentes e necessitadas, como moradores de ruas, catadores e demais casos.

A ideia do projeto surgiu em maio por meio de Organização Não Governamental que promove eventos beneficentes para essas pessoas carentes através de doações de pessoas que conhecem o projeto e se interessam em participar. “O projeto tem por objetivo alcançar pessoas que já perderam a esperança da vida, que não acreditam mais no amor humano, pessoas que estão em leitos de hospitais, acamados, idosos que estão nos lares, que se sentem abandonados, atingir os drogados, os alcoólatras, os usuários e presidiários, as crianças que há tempos não recebem um abraço ou simplesmente um ‘Eu te Amo’ de alguém”, define Duartte.

De acordo com o missionário, dentro dessa proposta, além de alcançar as pessoas necessitadas, o Ministério pretende incentivar o evangelismo, “porque não adianta dizermos que somos pregadores e missionários, se nem sequer olhamos para o próximo. Então, com atividades extra diárias, promovemos um momento diferente para estas pessoas, mas também temos a oportunidade de levar, não só o sustento, mas principalmente, amor e carinho”.

Em agosto, na primeira ação do PAARS, foram distribuídas cerca de 100 marmitas com uma galinhada. “Esta ação só aconteceu por causa do movimento de pessoas que se comoveram e se disponibilizaram em realizar doações ou comprando as rifas que estavam sendo vendidas durante o mês de agosto”, comentou Chrystian Duartte. “Se pudesse levar toda a população para as ruas ou para o interior de um hospital, ou simplesmente para um lar, como Santa Rita, o dos Idosos ou outros, levaria, simplesmente para eu promover para estes a mesma experiência que eu tive, a experiência de conhecer não só pessoas, mas guerreiros que lutam todos os dias, mas raramente são eles os vitoriosos. É emocionante, quando você consegue tirar um sorriso de uma pessoa, que há dias, semanas ou meses não sorri mais, pois vive com o desprezo de uma população que se diz solidária”, destacou o líder da ONG.

Comentário

A Unigran realiza, a partir desta terça (1) até quinta-feira (3) a edição de 2019 da Feira das Profissões, evento que objetiva auxiliar o vestibulando no momento mais importante do seu futuro, que é a escolha da profissão, e deve receber de estudantes do Ensino Médio das escolas de Dourados e região. A feira vai acontecer durante os três períodos, no Salão de Eventos da Instituição.

Com uma programação ampla e dinâmica, quem visitar a Feira vai poder participar de diversas atividades, como as oficinas das profissões, orientações profissionais, visitas guiadas, exposições, plantão de dúvidas, entre outras atividades, monitoradas por professores e acadêmicos dos cursos presenciais, semipresenciais e a distância que estarão à disposição nos estandes e laboratórios, das áreas de Ciências Exatas e Agrárias, Humanas e Sociais, Direito e Saúde, e irão auxiliar os estudantes na escolha de uma carreira de sucesso.

O público-alvo da Feira são alunos de Ensino Médio de escolas públicas e privadas, em especial dos terceiros anos. Ao participar, o aluno vai ter a oportunidade de conhecer os cursos de graduação e a infraestrutura da Unigran, avaliada como uma das melhores do Brasil, segundo o ranking do Ministério da Educação.

Os professores que acompanharem os alunos também terão atividades exclusivas. O evento vai disponibilizar uma sala VIP que vai oferecer os atendimentos de spa de mãos, higienização e hidratação facial, maquiagem e quick massage, realizados pelos cursos de Estética e Cosmética e Fisioterapia.

Segundo o diretor de Planejamento da Mantenedora da Unigran, Luciano Bettoni, o evento é uma excelente oportunidade tanto para quem ainda não escolheu qual carreira seguir, quanto para quem já decidiu. “A Feira das Profissões foi criada para ajudar os estudantes que ainda têm dúvidas sobre qual profissão seguir e também para quem já sabe o que quer, pois é um espaço de contato e troca de informações entre eles e a faculdade. Durante os três dias, o estudante vai poder conversar com professores e acadêmicos sobre os cursos oferecidos pela Unigran com uma equipe preparada para responder às dúvidas e para orientá-los a decidir a carreira profissional certa. Além disso, quem participar da Feira vai vivenciar na prática a rotina da profissão que tem interesse, com atividades específicas do curso”, explicou.

Este ano a Feira das Profissões está mais moderna e com uma grande novidade: o site do evento. Além de disponibilizar todas as informações, os interessados podem se inscrever e agilizar o acesso à Feira, evitando filas para o credenciamento como nas edições anteriores. O site também disponibiliza o atendimento on-line para outras dúvidas e informações.

A participação na Feira das Profissões é gratuita. Escolas e alunos interessados em visitar podem acessar o site mkt.unigran.br/feira-das-profissoes e se inscrever, preenchendo todos os dados corretamente.

Comentário

Dois jovens que teriam provocado acidente com quatro mortes e 27 feridos na noite deste domingo (29) foram presos depois que tentaram fugir do local do acidente, na BR 365, em Patos de Minas (MG). Na colisão, ônibus de passageiros que saiu de Campo Grande chocou-se de frente com caminhão de empresa de laticínios. O ônibus que saiu de Campo Grande por volta das 20h45 de sábado (28) seguia para o Nordeste.

Dois dos mortos, um casal de idosos, eram passageiros do ônibus da empresa Gontijo, que passou por Campo Grande e tinha como destino final Recife. O outro era o condutor do caminhão. Não há informação sobre o quarto óbito registrado, apenas que ele morreu durante atendimento no hospital regional, conforme repercutiu o site Patos Hoje, da cidade mineira.

De acordo com a publicação, os jovens foram encontrados em um carro modelo HB20, identificado por testemunhas há poucos quilômetros do local do acidente. No momento da colisão, o condutor do veículo era Bruno Amaral Carneiro, mas, depois, ele passou a direção para o amigo, Bruno Xavier Coelho. O teste do bafômetro de Bruno Amaral indicou 0,78 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Ele deve ser indiciado por homicídio culposo na direção de veículo, omissão de socorro e afastar veículo do local do acidente. O amigo, que também teve teor alcóolico indicado no exame, vai responder pelos mesmos crimes.

Acidente

A colisão aconteceu na altura do Km 419, na BR 365 e, de acordo com site Patos Hoje, o local é por onde cruzam veículos para duas estradas vicinais da região, e exige maior atenção dos condutores. A informação repassada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) é de que o carro com os dois jovens estava em uma dessas vias, a de acesso a Lanhosos e entraram na rodovia sem observar o tráfego.

Comentário

O vereador Junior Rodrigues (PL) encaminhou pedido de providências urgentes ao diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Carlos Fábio Selhorst dos Santos, em relação à falta de funcionários pela empresa EXP Parking, responsável pelo estacionamento rotativo presente no centro de Dourados. Ele aponta que os monitores mantidos pela empresa são insuficientes para atender os usuários, que sofrem ao estacionar seus veículos e, na maioria das vezes, não os encontram.

“Sabemos que, infelizmente, a concessionária do parquímetro não tem cumprido com eficiência as regras estabelecidas para operar no estacionamento pago de Dourados. O número de funcionários mantidos pela concessionária é insuficiente para atender os usuários, que sofrem ao estacionar seus veículos e não encontrar alguém habilitado para prestar atendimento decente e eficiente”, comentou o vereador.

Junior ressaltou que não é obrigação dos usuários “caçarem” os monitores para comprar créditos, sendo assim o condutor não pode ser penalizado pela ineficiência do mau atendimento. “Faz-se necessário que a Agetran tome as medidas necessárias para que seja resolvido o problema”.

Ainda conforme o vereador, a falta de manutenção e planejamento das vagas também é um problema, já que muitas estão esburacadas, precisam de melhorias na sinalização e faltam vagas para idosos e deficientes. “São problemas recorrentes que os usuários encontram, causando transtornos aos motoristas”, completou Junior.

“Com frota de aproximadamente 150 mil veículos, o estacionamento rotativo se faz necessário na região central da cidade, mas é importante que tenhamos um serviço eficiente”, finalizou.

Comentário

Um empresário de 75 anos foi torturado durante um assalto em Ponta Porã, quando ele e a mulher, de 66 anos, foram rendidos dentro de casa por três homens fortemente armados que após o crime fugiram com a caminhonete das vítimas, uma Hilux. O site Porã News publicou que o casal dormia quando foi surpreendido pelos bandidos, que pularam o muro da casa.

A mulher foi trancada em um dos banheiros enquanto o marido ficou com os assaltantes. Durante esse tempo ele ficou amarrado e foi espancado. Há ainda suspeita de que os autores passaram com o carro por cima dos braços da vítima. Após o que o site definiu como ‘sessão de tortura’, os bandidos fugiram com a caminhonete da vítima, os celulares do casal e a carteira do empresário.

A vítima foi deixada com ferimentos graves no braço, que teve a pele arrancada e só foi socorrida depois que a mulher conseguiu escapar do banheiro e pedir ajuda para os filhos. O empresário foi levado para uma clínica particular em Pedro Juan Caballero, onde permanece internado, conforme repercutiu o site Campo Grande News.

Comentário

O IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul) abre nesta segunda-feira (30) a edição 2019 da Semana de Ciência e Tecnologia. O evento, que é um dos mais importantes do calendário anual da instituição, será realizado em Dourados, Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas.

Em Dourados, a Semana começa na terça (1) e vai até sexta-feira (4) quando serão realizadas exibição de filmes, um seminário sobre o filósofo italiano Giordano Bruno e a primeira edição do Setec (o Seminário Educação e Tecnologia), que vai reunir pesquisadores de Dourados e região. Parte das atividades já se encontra com inscrições esgotadas.

A programação completa em cada município e o acesso ao sistema de inscrições estão disponíveis na página oficial do evento. Estão previstas palestras, minicursos e oficinas, além das feiras de ciência e tecnologia que reúnem estudantes do Instituto e dos municípios da região. As atividades vão até sábado (5), com entrada gratuita e parte delas aberta ao público.

“Durante o ano desenvolvemos várias atividades dentro da instituição ligadas à pesquisa, tecnologia e inovação. Esse é o momento que temos para mostrar o resultado desse trabalho para um público mais amplo, podendo receber contribuições externas e avaliar o caminho tomado”, apontou a diretora executiva de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação do IFMS, Caroline Aires.

O tema deste ano é “Bioeconomia: diversidade e riqueza para o desenvolvimento sustentável”. A escolha da economia ecológica segue a proposta do MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações) para o evento, que ocorrerá em todo o país no mês de outubro.

Comentário

O 15º Festival América do Sul Pantanal (o Fasp), que acontece de 14 a 17 de novembro em Corumbá e Ladário, numa realização da FCMS (a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul), está com inscrições abertas até nesta segunda-feira (30) para a seleção de artistas, grupos e coletivos que atuam no Estado com interesse em participar.

Serão escolhidos profissionais das artes cênicas, dança, música e audiovisual para apresentação de shows, espetáculos e exibição de filmes. O objetivo é contemplar a produção cultural sul-mato-grossense, de artistas, grupos ou coletivos residentes no Estado e com atuação artística comprovada de, no mínimo, dois anos nas referidas áreas artísticas.

Serão selecionados dois espetáculos de Circo, dois espetáculos de Teatro e dois espetáculos de Dança, para serem apresentados ao ar livre ou em espaços alternativos. Cada espetáculo terá uma apresentação.

Para o Palco da Integração serão escolhidos três shows musicais, para a instituição Moinho Cultural dois shows musicais instrumentais e um show musical que será apresentado na cidade de Ladário.

Na área do Audiovisual, serão selecionados para exibição dois filmes curtas metragens, com tempo de duração de até 20 minutos cada, dois filmes médias metragens de 20 minutos a 55 minutos e dois filmes de longas metragens a partir de 55 minutos, classificados nos gêneros de ficção, documentário, animação ou experimenta

Acesse o edital

Os artistas, grupos e ou coletivos proponentes poderão se inscrever como pessoa física ou pessoa jurídica, de natureza cultural, com ou sem fins lucrativos com somente uma proposta de apresentação. Os projetos inscritos serão analisados por uma Comissão de Seleção específica para cada área artística, nomeada por ato da diretora-presidente da Fundação de Cultura e composta por seis membros, sendo três titulares e três suplentes, de reputação ilibada e reconhecimento da matéria em exame, podendo ser servidores públicos estaduais ou não. O resultado será publicado dia 9 de outubro.

Comentário

12 concursos abrem inscrições nesta segunda-feira (30) para preencher mais de 1.100 vagas em todo o País. Há oportunidades para profissionais de todos os níveis de escolaridade em Mato Grosso do Sul, e ainda nos estados da Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e São Paulo.

Entre as opções, o TRF3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região) anunciou concurso público para preencher 9 vagas nos estados de São Paulo e no Mato Grosso do Sul. As oportunidades são para técnico e analista judiciário e os salários chegam a R$ 12.400. As inscrições podem ser feitas até quarta-feira (2), no site da organizadora.

As vagas são para profissionais de nível médio e superior. Para o cargo de analista judiciário, a remuneração inicial é de R$ 7.591.37 e a inscrição custa R$ 85. Já para o de técnico judiciário, o salário inicial é de R$ 12.455,30 e a inscrição custa R$ 95. A classificação terá prova objetiva, com 60 questões gerais e específicas; e prova escrita, com estudo de caso ou redação. A data prevista para a aplicação é 1º de dezembro, nas cidades de São Paulo e Campo Grande.

Confira lista de oportunidades

A Prefeitura de Itaquiraí está com 124 vagas abertas em concurso que oferece oportunidades a candidatos de nível médio, fundamental e superior, e paga salários de até R$ 12.600. As inscrições podem ser feitas até dia 10 de outubro. E, na 9ª. Região Militar, em Campo Grande, processo de seleção com 21 vagas, paga salários de até R$ 7.700 para candidatos que deverão ser lotados no setor de obras do Exército, em Campo Grande. Há vagas nas áreas de Engenharia Civil e Elétrica, Arquitetura, Técnico em Edificações e em Administração e Analista de Sistemas. As inscrições podem ser feitas até dia 11. 

Comentário

Pioneiro no segmento de cooperativismo de crédito no País e referência nacional e internacional pela organização em sistema, com padrão operacional e utilização de marca única, o Sicredi, instituição financeira cooperativa, encerrou o primeiro semestre de 2019 com um crescimento de 10% no resultado líquido na comparação com os seis primeiros meses do ano passado, chegando à marca de R$ 1,50 bilhão.

O patrimônio líquido, que impacta diretamente na solidez da instituição, superou a marca dos R$ 16 bilhões, alta de 16,2%. Os ativos totais chegaram a R$ 99,2 bilhões, volume 13% superior ao registrado no primeiro semestre do ano passado. Além disso, o número de associados do Sicredi cresceu 10,5%, totalizando mais de 4,2 milhões de pessoas físicas e jurídicas até junho. Os dados são do Balanço de Demonstrações Financeiras Combinadas divulgado nesta quinta-feira (26) pela instituição.

No período, a poupança – um dos focos da instituição financeira cooperativa, tendo em vista que incrementa e fomenta o crédito rural – registrou alta de 20,9%, atingindo R$ 14 bilhões em carteira. Já a carteira de crédito totalizou R$ 60,8 bilhões, aumento de 33% em relação ao mesmo período de 2018. A carteira de crédito rural fechou em R$ 21,4 bilhões, crescimento de 24,5%. Destaque também para a receita de crédito do Sicredi, que registrou um aumento de 20% no período e totalizou R$ 4,95 bilhões. Na captação, o Sicredi obteve crescimento de 13,3% em depósitos totais, alcançando R$ 64,8 bilhões.

Mesmo com a significativa ampliação da carteira de crédito, o índice de inadimplência do Sicredi manteve-se decrescente, com queda de 0,08 pontos percentuais no período, recuando para 1,44%. Uma das principais características do Sicredi é a proximidade com os associados, o que permite à instituição financeira cooperativa conceder crédito de forma adequada às necessidades e perfil de cada um.

“Seguimos apresentando um crescimento contínuo, inclusive superior ao da média do Sistema Financeiro Nacional, o que reforça ainda mais a solidez da nossa instituição, algo que só é possível em função do trabalho de 27 mil colaboradores distribuídos nas, atualmente, 112 cooperativas que formam o Sicredi”, afirma o presidente-executivo do Banco Cooperativo Sicredi, João Tavares. “Vamos seguir com nosso compromisso de termos presença nacional e atuação regional, investindo na expansão para centros urbanos, ao mesmo tempo em que estamos presentes nos pequenos municípios, proporcionando fomento e acesso a serviços financeiros aos associados para que eles prosperem e, ao mesmo tempo, incentivando o desenvolvimento local e regional”, completa o executivo.

Mais atendimento

No primeiro semestre deste ano, o Sicredi também registrou crescimento no número de pontos de atendimento, totalizando 1.752 em todo o Brasil. De janeiro a junho, foram inauguradas mais de 70 agências, uma delas em Belo Horizonte, marcando a chegada da instituição na capital de Minas Gerais. Atualmente, o Sicredi conta com 112 cooperativas de crédito filiadas, presentes fisicamente em 1.334 cidades do Brasil, sendo que em mais de 200 delas é a única instituição financeira presente.

Por meio de sua conta digital, Woop Sicredi, lançada em 2018, a instituição ultrapassou, no primeiro semestre deste ano, a marca de 2.000 municípios atendidos. A oferta digital do Sicredi conta atualmente com mais de 55 mil contas abertas.

Comentário

Página 18 de 1457
  • al sustentavel 2
  • kikao professor

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus