Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

A prefeita Délia Razuk entregou nesta terça-feira (3) mais um lote de máquinas, mobiliários e equipamentos para a Secretaria de Saúde, que destinará para os postos de saúde espalhados pela cidade e distritos. O ato contou com a presença da secretária de Saúde, Berenice de Oliveira Machado e do diretor de Patrimônio Acácio Barbosa. Recentemente, a prefeita havia entregado o que foi considerada a maior aquisição de equipamentos para atender a Saúde de Dourados.

A prefeita afirmou que a população merece saúde de qualidade e estes equipamentos vão garantir melhor atendimento aos usuários dos postos de saúde. A secretária Berenice Machado agradeceu o empenho da prefeita e disse que os serviços prestados nessas unidades produzem melhores resultados com os novos equipamentos.

Foram entregues 11 câmaras de conservação de vacinas, sendo nove de 120 litros e duas de 280 litros, 48 seladoras hospitalares de pedal, 10 focos refletores ambulatoriais com haste flexível e 40 caixas térmicas de 26 litros com mostrador digital. Entre os novos equipamentos, foram listados ainda 39 detectores fetais tipo de mesa, duas cadeiras oftalmológicas, quatro autoclaves, 37 longarinas, 120 cadeiras fixas, 10 armários de porta, oito arquivos de quatro gavetas, 10 geladeiras, uma cadeira de rodas e dois laser pulse.

Os postos de saúde também serão beneficiados com um ultrassom odontológico, três aparelhos de ultrassom, dois carros de emergência hospitalar, um amalgamador, um fotopolimerizador, quatro macas, 10 escadas de dois degraus, dois fogões, sete ventiladores de parede, 25 aparelhos de ar condicionado, quatro balanças digitais e três câmaras de conservação de vacinas de 1500 litros.

Os recursos para a aquisição destes equipamentos foram viabilizados através de emendas de parlamentares ao Orçamento da União e também das chamadas emendas impositivas de vereadores, conforme informou a assessoria de comunicação do Município.

Comentário

Mesmo com a crise financeira nacional e a redução do consumo de gás natural boliviano em grandes centros urbanos, Mato Grosso do Sul conseguiu ampliar o investimento público nos primeiros seis meses de 2019 para atender a população.

Estados e capitais cortaram o recurso pela metade, mas o governo sul-mato-grossense aumentou o valor em 37,82%, em relação ao primeiro semestre de 2015, corrigido pela inflação (índice IPCA), conforme levantamento do jornal Valor Econômico, que considerou os investimentos liquidados informados nos relatórios de execução orçamentária.

Nos estados, a queda foi de 52,5% e, nas capitais, de 53,4%. Das 27 unidades federadas, 19 reduziram esses gastos. Além de Mato Grosso do Sul, tiveram alta apenas Alagoas, Amapá, Maranhão, Mato Grosso, Paraná, Rio Grande do Norte e Rio Grande do Sul. O melhor resultado foi do Paraná, com crescimento de 202,79%. O pior foi do Rio de Janeiro, com queda de 96,45%.

Austeridade

Em Mato Grosso do Sul, foram investidos R$ 355,64 milhões no último semestre graças a política de austeridade implantadas pelo governo desde 2015, como a renegociação da dívida do Estado, redução das secretarias, reforma da previdência estadual e a diminuição do valor mensal pago aos professores contratados.

As medidas, muitas delas impopulares, reduziram o crescimento vegetativo do gasto com pessoal ativo e inativo e deram algum fôlego ao governo estadual que tem conseguido manter os pagamentos dos servidores em dia e obras e ações em áreas essenciais como saúde, segurança e educação.

Em valor absoluto, Mato Grosso do Sul investiu mais no primeiro semestre deste ano do que vários estados considerados ‘ricos’, como Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Gás

Além do cenário financeiro nacional, Mato Grosso do Sul enfrenta uma queda vertiginosa de sua principal receita: o ICMS do gás natural boliviano. Como o combustível chega ao Brasil por Corumbá, toda a arrecadação do produto importado fica com o Estado.
O bombeamento do gás boliviano, que beirava 1 bilhão de metros cúbicos por mês no início de 2016, desabou para menos de 400 milhões de m³ mensais no período de abril a junho de 2019, incentivado pelos recordes de produção brasileira. Com isso, o recolhimento de ICMS do gás natural também desabou, de mais de R$ 150 milhões em outubro de 2018, para menos de R$ 78 milhões/mês em abril, maio e junho deste ano.

Consumo interno

A perda só não é maior porque Mato Grosso do Sul tem aumentado o próprio consumo. Em quatro anos, o número de consumidores do gás natural boliviano no Estado aumentou 142%, passando de 3.866 para 9.343, de julho de 2015 para julho deste ano. Já o consumo praticamente triplicou, passando de 6,2 milhões de m³ para 18,5 milhões de m³ do produto. A expetativa da distribuidora MSGÁS é de alcançar 10 mil consumidores em setembro deste ano e chegar a 15 mil em 2022.

Comentário

O diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Junior, vai inaugurar nesta quinta-feira (5) um conjunto de obras em Nova Alvorada do Sul, onde há expressivos investimentos na área de saneamento, água e esgoto. Somados, são cerca de R$ 8.5 milhões investidos em obras no município para melhorar o sistema de abastecimento de água e de coleta e tratamento de esgoto.

Walter Carneiro vai inaugurar a ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) com capacidade de tratar 30 litros de esgoto bruto por segundo. Também, as redes coletoras e ligações domiciliares de esgoto, realizadas nos bairros Vacílio Dias, Jardim Indaiá I, Jaime Medeiros, Zé Tabinha, Maria de Lourdes I, Jardim Guanabara, Jardim Eldorado e parte da região Central. Essas obras foram executadas com recursos do Governo Federal (via Funasa), por meio do Programa de Aceleração do Crescimento 2, da própria Sanesul e emendas, totalizando um investimento de cerca de R$ 7,2 milhões em esgotamento sanitário.

No mesmo ato, também vai inaugurar outro empreendimento importantíssimo para Nova Alvorada do Sul, com a ativação do poço tubular profundo NOA-008, com profundidade de aproximadamente 150 metros e vazão de 44 mil litros, que atende toda a cidade. Um investimento de cerca de R$ 282.501,64.

Distrito de Pana

Nessa localidade será inaugurada a nova rede de distribuição e as ligações domiciliares de água e o abrigo de tratamento e instalação de dois reservatórios elevados metálicos de 50 mil litros de água cada. São 8.550 metros de rede 363 ligações, uma infraestrutura para atender todos os moradores. Também haverá entrega da nova estrutura operacional de atendimento aos clientes do distrito, o novo escritório, com investimentos da ordem de R$ 1.003.552,75 em recursos da própria Sanesul.

Comentário

A Fifa divulgou nesta quarta-feira (4), em conjunto com a FIFPro, a lista com as jogadoras que concorrem a uma vaga na seleção do ano. Através dos votos de milhares de atletas profissionais do mundo inteiro, a relação chegou a 55 nomes: cinco goleiras, 20 defensoras, 15 meio-campistas e 15 atacantes.

O Brasil está sendo representado por Andressa Alves, Formiga e Marta.

Essa é a quarta edição da premiação da FIFPro exclusiva para o futebol feminino, a primeira em parceria com a Fifa. Para chegar à lista final, cada jogadora que participou da votação precisou apontar sua seleção ideal com uma goleira, quatro defensoras, três meio-campistas e três atacantes.

A seleção do ano será divulgada no dia 23, em Milão, no The Best Football Awards da Fifa, que apontará também a seleção do ano no futebol masculino, melhor jogador do mundo, o vencedor do prêmio Puskás, entre outras premiações.

Comentário

Durante sessão ordinária da de Dourados, segunda-feira (2), o vereador Olavo Sul (Patriota) mais uma vez cobrou sobre a morosidade do Poder executivo em solucionar a falta do transporte escolar, que tem trazido prejuízos a estudantes dos distritos, que correm o risco de perderem o ano letivo.

Na terça-feira (3), o vereador participou da 9ª reunião para discutir sobre o impasse do transporte. Junto com ele estavam pais dos estudantes, o secretário de Educação, Upiran Gonçalves, o secretário de Serviços Urbanos, Fabiano Costa, e o procurador do município, Sergio Henrique.

“Infelizmente, a situação vem sendo resolvida parcialmente, de acordo com as manifestações dos pais. Primeiro resolveram dos universitários indígenas, depois das sitiocas e nesta reunião foi dada a palavra que, a partir de quarta-feira, serão atendidas as linhas da Zona da Matinha BR-463, Posto da Capela BR-163 e da região da usina São Fernando”, comentou o vereador.

O procurador Sergio Henrique comentou que, provavelmente, ainda essa semana deve sair a autorização para manutenção da frota dos ônibus do município, que seria a solução cobrada pelo vereador Olavo Sul.

“A minha luta continua, ainda está sem o transporte os alunos da Escola Agrotécnica e distritos de Dourados. Essa é minha forma de trabalhar buscando intermediar e cobrar soluções para essas situações contribuindo com a administração pública municipal e principalmente com a população, a qual sou representante. Ainda parabenizo os pais que vem participando, pois a mobilização tem sido fundamental nesta luta”, finalizou o vereador. (Da assessoria)

Comentário

A Câmara de Dourados vai realizar, nesta quinta-feira (5), às 19 horas, Sessão Solene em homenagem ao Dia do Administrador. A proposição, do vereador Alan Guedes (DEM), conta com o apoio do CRA (Conselho Regional de Administração), por intermédio do presidente, o administrador Rogério Elói Gomes Bezerra.

O Dia do Administrador é comemorado em 9 de setembro no Brasil, como uma data dedicada a homenagear o profissional responsável por gerenciar uma organização, e que pode atuar em diferentes áreas. O profissional de Administração pode trabalhar em empresas familiares, na área da administração hospitalar, gestão de pessoas, marketing, tecnologia da informação, consultoria, administração financeira, comércio internacional, professor de graduação, gestão estratégica, e etc.

Durante a sessão, além de homenagens a profissionais indicados para receber comendas e moções, a Câmara vai entregar o diploma de Honra ao Mérito à Seccional de Dourados do CRA, primeira e única do interior do Estado, criada em dezembro de 2006 com o objetivo de descentralizar os atendimentos e oferecer a agilidade na tramitação dos processos envolvendo a categoria, como definiu à época o delegado regional do Conselho, professor Narciso Bastos Gomes, então coordenador da Empresa Junior da Unigran.

De acordo com o roteiro do cerimonial definido para a Sessão Solene, serão conferidas ainda as seguintes homenagens: Comenda ‘Administrador Emérito 2019’ à empresária Helena Masako Tsumori Uemura; Moção ‘Legislativa 2019’ aos administradores Fernando Rodrigues da Silva, Fábio Antonio da Silva, Franz Maciel Mendes, Mauro Aparecido Ribeiro e Marcelo Sussumu Takahashi Fuziy; e ainda a Moção ‘Acadêmicos Eméritos 2019’ aos futuros profissionais da área, Daniel Rojas Lopes, Danielly Gomes Marques e Franciele Rosa de Souza.

Comentário

Julio Cesar del Valle Yoyi, de 44 anos, morreu no final da tarde desta terça feira (3), depois de ter sido atacado por um enxame de abelhas, na regiãodo bairro San Blás, na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, que faz divisa com a brasileira Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul.

Segundo o grupamento dos Bombeiros Voluntários Vermelhos do Paraguai em Pedro Juan, Julio Cesar se encontrava em frente a uma residência situada na rua Benjamin Aceval, onde vizinhos teriam mexido em uma colmeia e as abelhas começaram a atacar as pessoas que se encontravam pelas proximidades. A vítima não conseguiu fugir dos ataques e caiu na frente da casa, onde ainda foi auxiliado pelos integrantes do Corpo de Bombeiros ao Hospital Regional da cidade, mas morreu no local.

Os bombeiros do grupo Voluntários Vermelho e Amarelo realizaram o controle na região do ataque, onde identificaram existir uma colmeia de abelhas africanas. De acordo com informações colhidas pelos agentes da Polícia Técnica, apoiados pela promotora de justiça Camila Rojas, a existência dessas colmeias estaria associada com a produção artesanal de mel que seria mantida por algum morador das proximidades.

Comentário

A secretária municipal de Saúde, Berenice de Oliveira Machado Souza, comunicou oficialmente na edição desta terça-feira (3) do Diário Oficial do Município que a partir desta quarta (4) estarão suspensos, “por tempo indeterminado”, o chamado atendimento da ‘área verde’ do Hospital da Vida. A medida faz parte de resolução já tomada pela administração municipal, desde o dia 22 do mês de julho, de só atender aos casos de urgência e trauma no Hospital da Vida.

“A mudança se dá devido à reorganização do fluxo naquela unidade, que passa por obras de reforma e ampliação”, detalhou na ocasião a secretária de Saúde.

Classificado como porta de entrada aos pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde), o Hospital da Vida tem sido, realmente, a única porta para pacientes do município e das regiões de fronteira e do sul do Estado, além de cidades do Paraguai e até da Bolívia, que procuram a unidade de saúde como se fosse mais um posto de atendimento básico. O Hospital da Vida só vai atender, a partir de agora, casos de “trauma, urgência e emergência de média à alta complexidade de forma regulada”, estabeleceu a secretária Berenice.

Com a suspensão por tempo indeterminado da porta de atendimento da ‘área verde’ do Hospital da Vida, os atendimentos de baixa à média complexidade passam a ser realizados na UPA 24 Horas (Unidade de Pronto Atendimento) e nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) das regiões da Vila Cachoeirinha, Seleta, Vila Vargas, Maracanã e Parque II, cujo funcionamento foi estendido até às 22 horas.

Comentário

Policiais Militares, Civis e do Corpo de Bombeiros receberam a promoção na carreira pelo Governo do Estado. As ascensões correspondem ao número de 850 profissionais e foram publicadas na edição desta terça-feira (3) do Diário Oficial do Estado. O ato confirma o compromisso do governador Reinaldo Azambuja com as forças, mas que aguardava definição do imbróglio na justiça por conta do limite prudencial dos Estado.

Das promoções da Polícia Militar foram 59 oficiais e 13 praças, total de 72 progressões. Bombeiros totalizaram 60 (57 oficiais e três praças) e os Policiais Civis somam 718, incluindo 39 delegados, 115 escrivães, 414 investigadores e 150 peritos. Também foram publicados decretos de promoção por antiguidade e merecimento na Polícia Civil e Militar e de ascensão na carreira e de promoção por merecimento na estrutura do Corpo de Bombeiros Militar.

Comentário

Os vereadores Marcelo Mourão (PRB) e Marinisa Mizoguchi (PSB) assinaram termo de posse e reassumiram os cargos, durante sessão ordinária realizada na noite de segunda-feira (2) em Dourados. Eles substituem Pedro Pepa (DEM) e Cirilo Ramão (MDB) que foram mantidos afastados do cargo por decisão judicial, após passarem o final de semana presos.

Ainda durante a sessão ordinária, o presidente da ACCGD (Associação de Combate ao Câncer da Grande Dourados), Hédio Fazan, usou a tribuna livre para falar sobre as atividades desenvolvidas pelo órgão e também das dificuldades em produzir benefícios sociais efetivos e de forma sustentável.
“Vários pacientes me procuram diariamente para pedir ajuda. De acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer), em 2018, a mortandade devido ao câncer atingiu 107.450 homens e 90.228 mulheres no Brasil. A população está pedindo ajuda e alguma coisa precisa ser feita. Tenho certeza que se unirmos forças, a gente vai conseguir. É uma causa nobre”, comentou o presidente.

Cinco projetos de lei e dois decretos legislativos foram aprovados na sessão. Em 2ª discussão e votação, o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre a alteração de dispositivos Lei 2.508 de 11/2005 que institui o Conselho Municipal de Defesa e Desenvolvimento dos Direitos dos Afro-Brasileiros (Comafro), e o de autoria do vereador Romualdo Ramim (PDT), que denomina como ‘Rua Waldir Balbuena Medeiros’ a Rua GV 11, em toda sua extensão, localizada no Residencial Greenville. Em 1ª discussão e votação, foi aprovado o Projeto de Lei de autoria do vereador Sergio Nogueira (PSDB), que institui o Mês de Combate a Violência contra a Pessoa Idosa, denominado Junho Prata.

Também foi instituída a Semana Farroupilha e o Dia do Gaúcho, a ser comemorada entre os dias 14 e 20 de setembro, passando esta data a integrar o Calendário Oficial de Eventos do município, conforme Projeto de Lei de autoria do vereador Alan Guedes (DEM). De autoria de Olavo Sul (Patriota), foi aprovado Projeto de Lei que dispõe sobre a afixação de placas ou cartazes, com o número do disque denúncia da violência contra a mulher ‘Disque 180 – Central de Atendimento à Mulher’, no âmbito do Município.

Em única discussão e votação, foram aprovados os projetos de Decreto Legislativo de autoria, respectivamente, de Alan Guedes e vereadores infra-assinados, que concedem Diploma de Honra ao Mérito ao Conselho Regional de Administração (CRA-MS) e Diploma de Jubileu de Seda ao CTG (Centro de Tradições Gaúchas) ‘Querência do Sul’, alusivo aos 41 anos de sua fundação, no município de Dourados.

Comentário

Página 12 de 1432
  • unimed nova

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014

WhatsApp 9 9913 8196

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus