Timber by EMSIEN-3 LTD
Redação Douranews

Redação Douranews

Anastácio Meza, ferido com um tiro na cabeça na tarde deste sábado (6) em Porto Murtinho, morreu pouco depois de dar entrada no hospital. Conforme o site Porã News o crime aconteceu depois que a mulher da vítima reclamou de uma vizinha porque uma galinha havia invadido o quintal da casa dela.

Testemunhas relataram que Anastácio, conhecido como “Cabelo”, levou um tiro na parte de trás da cabeça após a mulher dele se envolver em uma briga com uma das vizinhas. A discussão teria começado porque uma galinha invadiu o quintal da vítima, relatou o site.

O tiro ficou alojado na cabeça de Anastácio, que chegou a ser levado para o Hospital Oscar Ramires, mas morreu pouco depois de dar entrada na unidade. A Polícia Militar foi chamada e prendeu Cirilo Rolon, funcionário da prefeitura de Porto Murtinho e dono de uma extensa ficha criminal [até com condenação por homicídio] que assumiu ser o autor do assassinato, mas foi desmentido por testemunhas do crime.

A Polícia descobriu, depois, que o responsável pelo tiro que matou “Cabelo” foi o irmão de Cirilo, o segurança da empresa “MG Segurança”, Ademir Rolon. Ele foi preso horas depois e a arma usada no crime, um revólver calibre 38, encontrada em uma caixa de esgoto. Denúncias de moradores apontam que funcionários da empresa de segurança agem com violência na cidade, com “poder de polícia”, situação que é investigada pela Polícia Civil.

Comentário

O piloto Benedito Fernando, de 69 anos, passou mal e morreu de infarto durante voo de aeronave que fez pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Campo Grande na tarde deste sábado (6) quando retornava do Mato Grosso para a cidade de Americana (SP). A ação só não foi mais trágica porque o co-piloto Mateus assumiu o comando da aeronave e conseguiu o pouso na capital do Estado.

Uma ambulância de socorro ainda foi acionada, mas o piloto já estava morto. O único passageiro do vôo ficou nervoso, passou mal e foi levado à Santa Casa. A informação obtida pelo Campo Grande News é que ele já foi medicado, liberado e retornou para Americana, em voo de carreira, juntamente com o co-piloto.

Comentário

Um brasileiro e um paraguaio foram mortos na tarde deste sábado (6) em Sete Quedas, na fronteira com a cidade paraguaia de Pindoty Porã. As vítimas estavam em uma caminhonete quando foram atingidas pelos disparos.

Segundo a polícia, os dois homens seguiam pelo centro da cidade quando foram abordados por pistoleiros que estavam em uma motocicleta. Os suspeitos dispararam mais de 40 vezes contra o para-brisas da caminhonete. Os dois morreram no local.

A polícia recolheu cápsulas de calibre 9 milímetros e investiga o caso. Uma das suspeitas é de que o caso tenha envolvimento com o tráfico de drogas. Essa é a segunda execução na região de fronteira nos últimos três dias. Na quinta-feira (4), um homem foi morto dentro do carro, na BR 463, próximo de Itaquiraí. Na ocasião, uma criança de 6 anos ficou ferida.

Comentário

João Gilberto morreu neste sábado (6) aos 88 anos. O músico, um dos criadores da bossa nova, morreu em casa, no Rio de Janeiro. Ele enfrentava problemas de saúde há alguns anos. A informação foi confirmada ao G1 pelo filho dele, João Marcelo Gilberto, que mora nos Estados Unidos. Além de Marcelo, ele deixa outros dois filhos: Bebel e Luisa.

Recluso, João foi interditado judicialmente pela filha, Bebel Gilberto, no fim de 2017. A interdição motivou uma disputa familiar entre Bebel e João Marcelo, que são meio-irmãos. Em nota divulgada na época, a advogada de Bebel disse que a intervenção foi motivada por problemas de saúde e complicações financeiras do cantor.

João Gilberto Prado Pereira de Oliveira concluiu em 1961 a trilogia de álbuns fundamentais que apresentaram a bossa nova ao mundo: "Chega de saudade" (1959), "O amor, o sorriso e a flor" (1960) e "João Gilberto" de 1961.

O álbum que marcou o início do gênero em 1959, "Chega de saudade", traz a música de mesmo nome composta por Tom Jobim (1927-1994) e Vinicius de Moraes (1913-1980). A canção havia sido apresentada em um LP em abril de 1958 por Elizeth Cardoso (1920-1990), mas a versão mais conhecida, com a voz de João, foi lançada em agosto do mesmo ano.

Comentário

Quando a temperatura mínima no abrigo meteorológico atinge 3 a 4ºC, a temperatura na superfície situa-se em torno de 0ºC, o que pode indicar a incidência de geadas.

Com essa avaliação, o portal GuiaClima, que mede as precipitações meteorológicas, na unidade da Embrapa, explica que a possibilidade de ocorrência e a intensidade das geadas é estabelecida a partir da temperatura mínima do ar no abrigo meteorológico (pela indicação Tm), com base no critério utilizado pelo Iapar, o Instituto Agronômico do Paraná.

Outros fatores, além da temperatura, influenciam a ocorrência de geadas, como a topografia e a exposição do terreno, ou seja, baixadas e áreas voltadas para o sul são mais sujeitas à formação de geadas, conforme define o GuiaClima.

Comentário

‘Recebi com serenidade”, disse o ex-senador Delcidio do Amaral, afastado das funções políticas depois de ter sido apontado como um facilitador do que ficou conhecido como ‘plano de fuga’ para o ex-diretor da Petrobras, Roberto Cerveró, há cerca de três anos, episódio que chegou a ser gravado, inclusive, com a participação do filho Bernardo, de Cerveró, ao falar sobre a absolvição, no TRF3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região) dessas denúncias.

O ex-senador concedeu entrevista, por telefone, na manhã deste sábado (6), à rádio 92FM e disse que “agora é bola pra frente”, admitindo que sofreu muito “por alguns erros que cometi”, mas que aprendeu muito nas funções executivas na própria Petrobras e na vida pública.

Delcidio disse que vai visitar os municípios do Estado, “começar a esquentar o motor”, para futuras eleições. Ele comentou a participação nos episódios passados, preferiu evitar falar em ‘mágoas’ quanto ao comportamento do PT e do ex-presidente Lula, “mas há fatos incontestáveis, porque no dia que fui preso, três horas depois o PT me jogou ladeira abaixo”.

Comentário

O deputado José Carlos Barbosinha, presidente da comissão provisória do Democratas em Dourados, afirmou nesta manhã de sábado (6), em entrevista na rádio 92FM, que o Município precisa voltar a ser o polo político regional, recuperar a força que já teve quando elegeu três deputados federais e chegou a ter cinco deputados na Assembleia Legislativa, número que caiu nos últimos anos e agora começa a ser recuperado. "Até hoje não elegemos um senador", lamentou o deputado.

Perguntado se realmente vai encarar a disputa para a Prefeitura de Dourados, depois de ter sido pré-indicado pelo presidente regional da legenda, o vice-governador Murilo Zauith, Barbosinha disse que alimenta esse desejo, “mas a colocação do meu nome não elimina a possibilidade de outros nomes se apresentarem, o importante é manter o partido unificado e de olho nos objetivos futuros”.

Entretanto, segundo o deputado, que também é líder do Governo na Assembleia Legislativa, o importante nesse momento é prospectar um projeto capaz de fazer com que o DEM chegue em 2020 com um forte grupamento de prefeitos e vereadores eleitos e se fortalecer para a sucessão estadual de 2022, quando acontecem as eleições para governador e o atual, Reinaldo Azambuja, não será candidato a reeleição, porque já está no segundo mandato.

Comentário

A imprensa peruana relata incômodos na seleção do país às vésperas da final da Copa América. Segundo o jornal "Líbero", a equipe do Peru ficou incomodada com as condições de treinamento nesta sexta-feira (5), no CT do Fluminense.

De acordo com a publicação, após forte chuva, o elenco treinado por Ricardo Gareca teve que dividir espaço com jogadores das categorias de base do clube tricolor e também cita falta de água adequada para processos de recuperação física e ausência de salas para reuniões do treinador e coletivas dos jogadores.

Os relatos do "Líbero" são parecidos com os de outros veículos, como o "Olé", da Argentina. O jornal peruano também pega pesado na matéria principal de capa. "Contra tudo", diz a manchete, seguida por um texto que acusa Brasil e Conmebol de jogarem sujo. A publicação também fala em "árbitro fuleiro" para a decisão, depois que o chileno Roberto Tobar foi o escolhido, conforme repercute o portal Globoesporte.

Comentário

O juiz da 6ª Vara Cível da Comarca de Dourados, José Domingues Filho, concedeu liminar em ação apresentada pelo MPE (Ministério Público Estadual) e determinou que a Prefeitura de Dourados pare de utilizar dinheiro da taxa de iluminação pública para pagar outras despesas. Na decisão, que vale até o julgamento final da ação, o magistrado também mandou o poder público municipal devolver ao fundo da Cosip os valores desvinculados nos últimos 90 dias.

De acordo com a reportagem publicada pelo site Campo Grande News, a Prefeitura teria se utilizado de parte desses recursos para pagar salários dos servidores. Só que o serviço está precário e a maioria dos bairros e até o centro da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul estão na escuridão, conforme constatam moradores em constantes manifestações nas redes sociais e junto aos vereadores do Município.

Em 2018, a contribuição rendeu em torno de R$ 15,4 milhões aos cofres municipais, mas os problemas continuam. “Há um ano a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos informou ao MPMS que alguns bairros iriam receber os reparos necessários para solucionar o problema da iluminação. No entanto, até hoje o problema não foi resolvido de modo satisfatório e continua gerando reclamações pelos moradores”, afirma o MP em ação civil pública impetrada contra a Prefeitura.

A Procuradoria Jurídica do Município respondeu que um decreto do Governo federal permite a desvinculação de até 30% da arrecadação de impostos e taxas. Entretanto, no entendimento do juiz da 6ª Vara Cível, a contribuição da iluminação pública não se configura como taxa ou imposto; por isso, a arrecadação deve ser revertida exclusivamente na manutenção do serviço para o qual foi criada.

Comentário

A estudante Lyvia Vieira, de 16 anos, está desaparecida em Dourados. De acordo com familiares, ela saiu da casa da avó, por volta das 16 horas desta sexta-feira (5), na região do conjunto Izidro Pedroso, e depois disso não foi mais vista. Os pais Nilson Pereira e Elizane estão pedindo a ajuda da comunidade no sentido de tentar localizar a filha.

Segundo Elaine de Oliveira Ramos, uma amiga de infância de Lyvia, a jovem estava a pé, vestia calça preta e estava com uma mochila bege. Segundo a amiga, o telefone da jovem está desligado e ninguém consegue informações sobre o paradeiro dela.

“Estamos muito preocupados porque não fazemos ideia de onde ela possa estar. Já ligamos para todos os parentes e amigos, fomos ao hospital, rodoviária e registramos Boletim de Ocorrência mas até agora nada”, disse a amiga, conforme repercutiu o portal da rádio 94FM.

Lyvia Vieira mora no bairrio Canaã III e tem aproximadamente 1,60m de altura e cabelos pretos. Familiares suspeitam que ela possa estar enfrentando problemas de depressão, já que apresentou crises de choro na escola e estava passando por atendimento com psicólogo nos últimos dias, de acordo com a publicação.

Quem souber informações sobre o paradeiro da jovem pode entrar em contato com Elaine Ramos pelo telefone (67) 99876-5638.

Comentário

Página 11 de 1368

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus