Timber by EMSIEN-3 LTD
  • unigran 2018
Sexta, 09 Março 2018 07:10

Hospital Cassems promove atividades do dia da mulher em Campo Grande Destaque

Escrito por
Psicóloga Márcia Paulino fala sobre o crescimento de ações para proteção da mulher Psicóloga Márcia Paulino fala sobre o crescimento de ações para proteção da mulher Assessoria

O Hospital Cassems de Campo Grande realizou palestra sobre o atendimento à mulher vítima de violência no dia internacional da mulher. O tema foi abordado pela coordenadora de projetos e ações temáticas da Semu (Subsecretaria de Políticas Públicas da Mulher) da Capital, a psicóloga Márcia Paulino. Do debate participaram a diretora de Clientes da Cassems, Jucli Stefanello, o diretor de Unidades Hospitalares, Flávio Stival e o gerente do Hospital Cassems de Campo Grande, Carlos Guizado, além colaboradoras da unidade hospitalar.

De acordo com a psicóloga, em Campo Grande, a Casa da Mulher Brasileira já atendeu mais de 30 mil mulheres vítimas de violência desde que foi aberta, em 2015. “Nós atendemos em média 50 mulheres todos os dias. Os números só aumentam e isso não significa que a violência está aumentando. Demonstra, sim, que a violência contra a mulher está saindo do âmbito privado”, argumenta Márcia, explicando que, na prática, não existe igualdade no cotidiano das mulheres e cita o exemplo clássico da realidade brasileira: “No Brasil, as mulheres estudam mais, porém têm menos oportunidades de assumir altos cargos com bons salários do que os homens”.

Márcia explica também que o maior objetivo dos trabalhos de conscientização junto às mulheres é o reforço nos conceitos de empoderamento, para a tomada de decisões que impactam de forma permanente a vida da mulher e sororidade, que consiste na união e aliança entre as mulheres, baseado na empatia e no companheirismo. “Nós mulheres precisamos nos apoiar. Quando nós julgamos uma mulher, estamos julgando a nós mesmas. Temos que reconhecer a outra mulher em nós”, afirma a psicóloga.

No Hospital Cassems de Campo Grande, 80% do quadro de colaboradores é formado por mulheres. Nesse sentido, o gerente hospitalar, Carlos Guizado, entende que o “respeito e o reconhecimento pela luta feminina contra a violência, seja física, psicológica, moral ou patrimonial, deve ser empreendida por todos que entendem a importância da presença da mulher, não apenas no lar, mas na política, na vida profissional, nas instituições e na sociedade”.

A diretora de Clientes da Cassems, Jucli Stefanello, falou, de forma breve, sobre o trabalho que a Cassems está realizando junto com a ONU Mulheres, Organização Pan-Americana para as Mulheres e a Xaraés Consultoria e Projetos para o enfrentamento da violência contra as mulheres em Mato Grosso Sul. “Nosso maior objetivo é fazer com que essas campanhas de conscientização sejam colocadas em prática e que todas as nossas unidades de atendimento, em especial os hospitais, tenham equipes multidisciplinares preparadas para o atendimento humanizado das mulheres vítimas de violência, para que elas se sintam acolhidas e protegidas”, esclarece Jucli.

Para o diretor de Unidade Hospitalares, Flávio Stival, é mais que necessário que a instituição esteja inserida nesse contexto de combate à violência. “Nos assusta muito a quantidade de mulheres agredidas e precisamos, como instituição que cuida da saúde das pessoas, estarmos atentos e preparados para o atendimento humanizado de casos de violência”, finaliza.

Após a palestra, as colaboradoras do Hospital Cassems participaram de um workshop de maquiagem com a equipe do Boticário In Company e as pacientes internadas neste dia receberam homenagens pela data.

  • mistura
  • Fabio Jr
  • Unimed 38
  • kikao

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus