Timber by EMSIEN-3 LTD
Segunda, 12 Fevereiro 2018 09:26

Carnavalesco é roubado com arma na cabeça antes de desfile no Rio

Escrito por
Moacyr Luz ficou sem a fantasia da escola que iria desfilar e sem os medicamentos de uso contínuo Moacyr Luz ficou sem a fantasia da escola que iria desfilar e sem os medicamentos de uso contínuo Reprodução/Rede Globo

O sambista Moacyr Luz foi assaltado, na virada deste domingo (11) para segunda-feira (12), pouco antes de chegar à Sapucaí. O compositor estava em um táxi na altura da Central do Brasil, teve os pertences roubados e ficou até sem a camisa da Paraíso do Tuiuti, escola da qual é compositor e pela qual desfilou ao lado do carro de som.

Moacyr tinha acabado de chegar de um show de São Paulo. Muito abalado, ele seguiu até o Sambódromo, onde recebeu outra camisa da escola e seguiu ao lado do carro de som pela avenida. “Fui abordado por três homens armados, colocaram a arma na minha cabeça. Levaram tudo o que eu levava e tudo do taxista também. Com todo mundo olhando”, explicou Moacyr ao G1, mostrando o outro lado da festa carioca.

Até fantasia e medicamentos de Moacyr foram roubados. “Levaram a fantasia que eu ia usar para desfilar na Mangueira. Levaram também os meus medicamentos que eu preciso", acrescentou. Ainda assim, Moacyr considera que valeu a pena persistir e chegar à Sapucaí. “Uma superação a gente poder ter liberdade para compor e poder inovar nos versos, para oxigenar o gênero [samba]”, disse.

A Paraíso do Tuiuti, quarta escola a desfilar pelo Grupo Especial, levou à Sapucaí enredo sobre a escravidão e chegou a apresentar, em um dos carros alegóricos, a caricatura do presidente Michel Temer simbolizando um vampiro.

  • mistura
  • unigran pos

Entre em Contato

Editor de conteúdo
Clóvis de Oliveira
Email: clovis@douranews.com.br

Rua Floriano Peixoto, 343
Jardim América – Dourados/MS
CEP 79803-050
Tel.: 67 3422-3014
E-mail: douranews@douranews.com.br

Telefones Úteis

Horários de Vôos | Horários de Ônibus